O ENSINO DAS ARTES EM DUAS ESCOLAS DE REFERÊNCIA DE PERNAMBUCO: QUE “REFERÊNCIA”?

Thaynan de Oliveira Sales

Resumo


Introdução: A implantação das escolas de referência (EREM) no Estado de Pernambuco completa 10 anos em 2018, com muitas conquistas alcançadas, mas desafios ainda distante do que de fato é uma referência, sobretudo, ao se comparar com outra referência no ensino, o Colégio de Aplicação (CAp) da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Nessa seara, fizemos o nosso percurso acadêmico analisando duas realidades do ensino das Artes; sendo uma muito antiga/rudimentar (da EREM) e a outra, moderna, porém excludente, pelo menos no ensino médio (CAp). Ao primeiro olhar, uma escola pública estaria defasada em relação a uma particular, pelo menos, teoricamente. Contudo, a EREM, como o próprio nome diz é de "referência", então poderia se deduzir que aquela é uma referência em todos os aspectos. Por outro lado, o CAp, também é uma referência em PE e no Brasil, ao menos, para quem o conhece pelos indicadores da mídia. De fato, o CaP é uma referência, no locus do nosso estudo (onde as aulas acontecem como realmente deve ser), mas somente até o ensino fundamental, pois no ensino médio, esse componente não é ministrado, excluindo-se um direito dos alunos de um conhecimento propício para milímodas possibilidades para emancipação da pessoa humana.

Texto completo:

PDF

Referências


DUTRA, Paulo Fernando de Vasconcelos. Educação integral no Estado de Pernambuco: uma realidade no ensino médio. 2013. Dissertação (Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública) - Faculdade de Educação, Universidade Federal de Juiz de Fora, MG.

FERREIRA, Cláudia. Em PE, quase metade dos docentes da rede pública não é efetivada. G1 Pernambuco. Disponível em http://g1.globo.com/pernambuco/educacao/noticia/2016/10/em-pe-quase-metade-dos-docentes-da-rede-publica-nao-e-efetivada.html. Acessado em: 21/04/2018.

HERNANDEZ, Fernando. Catadores da Cultura Visual: proposta para uma nova narrativa educacional, Editora Mediação, 2009.

HERNANDEZ, Fernando. Cultura Visual, Mudança Educativa e Projeto de Trabalho, 2000.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Semana  Pedagógica ISSN 2595-1572 (on line)