Afinal, como definir a qualidade na educação?

Sidelmar Alves da Silva Kunz, Alessandro Borges Tatagiba, Remi Castioni

Resumo


Resumo
O objetivo deste artigo é o de identificar possíveis conceitos nos debates relacionados à qualidade educacional. No contexto atual, qualquer proposta de conceito sobre o tema qualidade educacional traduzirá um determinado conjunto de disputas ideológicas e de poder na nossa sociedade brasileira. Cientes dessa complexidade, trazemos esse tema à tona sob a ótica do direito à educação. Como procedimentos metodológicos, ancoramos as análises na pesquisa bibliográfica e documental. Os resultados sugerem que, apesar da multiplicidade de possíveis conceitos sobre qualidade educacional, a sociedade brasileira pode e deve entendê-lo como um conceito sob o domínio dos direitos fundamentais, sobretudo como garantia de defesa de projetos de sociedade mais inclusiva e equitativa para mitigação das discrepâncias verificadas socioespacialmente.


Palavras-chave: Qualidade educacional. Direito à educação. Projeto de sociedade.


Texto completo:

PDF

Referências


AJZENBERG, Armand. As classes sociais e suas formas modernas de luta. GEOUSP: Espaço e Tempo, São Paulo, n. 17, p. 09-19, 2005. Disponível em: . Acesso em: 04 mar. 2013.

ARROYO, Miguel González. Educação e exclusão da cidadania. In: BUFFA, Ester. Educação e Cidadania: quem educa o cidadão? São Paulo: Cortez, p. 35-98, 2010.

______. Políticas educacionais, igualdade e diferenças. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação, v. 27, n. 1, p. 83-94, jan./abr. 2011. Disponível em: . Acesso em: 04 mar. 2013.

AZEVEDO, Janete Maria Linz de. Notas sobre a análise da gestão da educação e da qualidade do ensino no contexto das políticas educativas. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação, v. 27, n. 3, p. 361-588, set./dez. 2011. Disponível em: . Acesso em: 04 mar. 2013.

BUFFA, Ester; ARROYO, Miguel; NOSELLA, Paolo. Educação e cidadania: quem educa o cidadão? 14ª ed. São Paulo: Cortez, 2010. (coleção questões da nossa época; v. 16).

CURY, Carlos Roberto Jamil. Direito à educação: direito à igualdade, direito à diferença. Cadernos de Pesquisa da Fundação Carlos Chagas, n. 116, p. 245-262, jul. 2002. Disponível em: . Acesso em: 04 mar. 2013.

DOURADO, L. F.; OLIVEIRA, J. F.; SANTOS, C. A. A qualidade da educação: conceitos e definições. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Série Documental: Textos para Discussão), Brasília, DF, v. 24, n. 22, p. 5-34, 2007. Disponível em: . Acesso em: 04 mar. 2013.

HÖFLING, Eloisa de Mattos. Estado e políticas (públicas) sociais. Cadernos Cedes (Unicamp), Campinas, v. 21, n. 55, p. 30-41, nov. 2001. Disponível em: . Acesso em: 04 mar. 2013.

HORTA, José Silvério Baia. Direito à educação e obrigatoriedade escolar. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, SP, n. 104, p. 5-34, jul. 1998. Disponível em: <>. Acesso em: 04mar. 2013. Disponível em: . Acesso em: 04 mar. 2013.

HORTA NETO, João Luiz. Avaliação externa de escolas e sistemas: questões presentes no debate sobre o tema. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Brasília, v. 91, n. 227, p. 84-104, jan./abr. 2010. Disponível em: . Acesso em: 04 mar. 2013.

MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. Manifesto do partido comunista. São Paulo: Expressão Popular, 2008.

NOGUEIRA, Valdir; CARNEIRO, Sônia Maria Marchiorato. Educação geográfica e formação da consciência espacial-cidadã: contribuições dos princípios geográficos. Boletim de Geografia, Revista do Departamento de Geografia da Universidade Estadual de Maringá, Maringá, v. 26/27, n. 1, p. 25-37, 2008/2009.

SCHWARTZMAN, Simon. Aprendendo com os erros e os acertos do passado: pontos essenciais para a definição de políticas públicas de educação superior. ESTUDOS: Brasília-DF, Ano 27, n. 39, 2010. Disponível em: . Acesso em: 05 mar. 2013.

SILVA, Aida Maria Monteiro; TAVARES, Celma. A cidadania ativa e sua relação com a educação em direitos humanos. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação, v. 27, n. 1, p. 13-24, jan./abr. 2011. Disponível em: . Acesso em: 05 mar. 2013.

SOLIGO, Valdecir. Indicadores: conceito e complexidade do mensurar em estudos de fenômenos sociais. Revista Estudos em Avaliação Educacional (FCC), São Paulo, v. 23, n. 52, mai./ago. p. 12-25, 2012. Disponível em: . Acesso em: 05 mar. 2013.




 

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.


                                         INDEXADORES

       
 
 
  
 
   
 
 
                                          BUSCADORES 
                                  


                                                      
                                           
                                              MÉTRICAS 
 
GOOGLE ACADÊMICO: https://scholar.google.com.br/citations?hl=pt-BR&user=BbrMvUMAAAAJ