A CIÊNCIA DO COTIDIANO: APRENDENDO SOBRE MORFOLOGIA VEGETAL DENTRO DO CONTEXTO ESCOLAR

Marcela Karolinny da Silva Costa

Resumo


A Ciência exerce uma grande influência em nossa vida cotidiana a ponto de ser difícil imaginar como seria o mundo atual sem a sua contribuição ao longo do tempo. A tendência atual da disciplina é fazer com que o aluno observe, pesquise em diversas fontes, questione e registre para aprender. O ensino de Botânica nas séries finais do Ensino Fundamental vem sendo marcado no Brasil por uma série de problemas, entre os mais evidentes, está a falta de interesse dos alunos pelo conteúdo que ocorre devido à dificuldade de se estabelecer uma relação direta do ser humano com as plantas. É com base nestes pressupostos que o presente resumo objetivo apresentar atividades práticas, desenvolvidas em uma aula de morfologia vegetal, que despertassem a curiosidade do aluno mostrando a presença daquele conhecimento no seu dia- a-dia, usando como fonte física de estudo a própria escola. A metodologia foi desenvolvida na escola Arco-íris instituição da rede privada do Recife localizada no bairro da Várzea. A aula foi direcionada para as turmas dos 7º anos, sendo uma em cada turno, fazendo parte de uma sequência didática iniciada pela professora acerca da Mata Atlântica com uma visita a campo no Horto Dois Irmãos. Em seguida os alunos tiveram uma aula com um mateiro, onde percorreram todo o espaço delimitado pela área escolar registrando as espécies nativas e exóticas presente na área. Subsequentemente iniciou-se o conteúdo sobre morfologia vegetal, debatendo questões como o trabalho dos taxonomistas, modificações adaptativas foliares e florais, evolução vegetal e alguns conceitos como pseudofrutos, órgãos vegetais entre outros. As aulas aconteceram de forma a proporcionar a fluidez da comunicação para alcance da aprendizagem. Ao fim da aula os estudantes receberam amostras vegetais de plantas existentes nos entornos da escola e que eles mesmos haviam descrito na aula anterior. A sequência didática trabalhada se preocupou o tempo inteiro em apresentar aos alunos a botânica como ramo de ciência presente em seu contexto diário, proporcionando a turma uma relação mais próxima com o conhecimento cientifico e dando ao estudante protagonismo em suas atividades. Foi possível notar o quanto conseguir associar o visto em sala de aula com o seu dia a dia, produziu nos alunos estímulo a investigação uma vez que a análise feita fez parte do projeto anual da turma que foi apresentado no Ciência Jovem 2017.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Av. Prof. Moraes Rego, 1235 - Cidade Universitária, Recife - PE, 50670-901.