A Ortografia Nacional (1904) de Gonçalves Viana e as ideias ortográficas dos reformistas sul-americanos

Maria Filomena Gonçalves

Resumo


Resumo: Proclamada a 5 de Outubro de 1910, a República Portuguesa promoveu a uniformização da escrita do português.  Os princípios reguladores da ortografia “nacional” foram definidos por uma Comissão Ortográfica nomeada para o efeito. Gonçalves Viana, autor uma Ortografia Nacional (1904) e Relator da referida Comissão, teve um papel crucial na uniformização sistemática das ortografias portuguesas. Essa ortografia simplificada, em que o Brasil não participou, faz cem anos em 2011,  efeméride que motiva uma reflexão sobre os problemas relativos à representação gráfica da língua, à actual situação da ortografia portuguesa e ao novo Acordo Ortográfico.

Palavras-chave: ortografia, ortografia simplificada, Acordo Ortográfico.


Abstract: Proclaimed on 5 October 1910, the Portuguese Republic promoted the standardization of the Portuguese writing system. The regulating principles of the "national" orthography were, then, defined by an Orthography Committee set up for that purpose. Gonçalves Viana, author of a National Orthography (1904) and Rapporteur of the above-mentioned Committee, played a crucial role in the systematic standardization of the Portuguese orthographies. That simplified orthography, not enforced in Brazil, will be one hundred years old in 2011, a commemoration that prompts reflection on issues related to the graphic representation of the language, the current situation of the Portuguese orthography and the new Orthographic Agreement.

Keywords: orthography, simplified orthography, Orthographic Agreement.


Texto completo:

PDF

Referências


AUGST, G. ed. New trends in graphemics in orthography. Berlin /New York: Walter de Gruyter, 1986.

BELLO, A. Ortografía castellana. El Repertorio Americano, Londres, p.10-16, Abril de 1827.

BELLO, A. Ortografía. El Araucano, Santiago, 10 e 24 de mayo de 1844.

BELLO, A. Gramática de la lengua castellana destinada al uso de los americanos. Madrid: EDAF, 1997 [1ª

edição 1847].

BELLO, A.; GARCIA DEL RÍO, J. Indicaciones sobre la conveniencia de simplificar la ortografía en América. Biblioteca Americana. Londres, p. 50-66, 1823 [Reimpr. em El Repertorio

Americano, p. 27-41, octubre de 1826].

BLANCHE-BENVENISTE, C. ; CHERVEL, A. L’orthographe. Paris: François Maspero, 1978.

BURIDANT, C. Les correspondances phono-, morpho- et logogrammiques et le crosement de la dischronie et de la synchronie dans le plurysistème graphique du français. In: CATACH, Nina (ed.) Pour une théorie de la langue écrite, Paris: Edictions du CNRS, 1988, p.233-242.

CASTELEIRO, J. M.; CORREIA, P. D. Atual. O novo Acordo Ortográfico. O que vai mudar na grafia do português. Lisboa: Texto, 2007.

CASTRO, I.; DUARTE, I; LEIRIA, I. (org.) A demanda da ortografia portuguesa. Comentário do Acordo Ortográfico de 1986 e subsídios para a compreensão da Ortografia que se lhe seguiu. Lisboa: Edições João Sá da Costa, 1987.

CASTRO, I. Filologia. In: BIBLOS. Enciclopédia Verbo das Literaturas de Língua Portuguesa. Lisboa: Verbo, 1997. I, p. 602-609.

CASTRO, I. Uma dialectologia pouco conhecida: a Ortografia Nacional de Gonçalves Viana. In: 2º Encontro da Associação Portuguesa de Linguística, Lisboa. Actas do 2º Encontro da Associação Portuguesa de Linguística. Lisboa: Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. p. 185-195.

CATACH, N. ed. Pour une théorie de la langue écrite. Paris: Éditions du CNRS, 1988.

CINTRA, L.F. L. Estudos de Dialectologia Portuguesa. Lisboa: Sá da Costa Editora.

CONTRERAS, L. Ortografía y grafémica. Madrid: Visor Libros, 1994.

EMILIANO, A. Foi você que pediu um Acordo Ortográfico? Nota introdutória de Vasco Graça Moura. Porto: Guimarães Editores, 2008.

EMILIANO, A. O fim da ortografia. Porto: Guimarães Editores, 2008.

ESTEVE SERRANO, A. Estudios de teoría ortográfica del español. Universidad de Murcia: Publicaciones del Departamento de Lingüística General y Crítica Literaria, 1982.

GONÇALVES, M. F. Madureira Feijó, ortografista do século XVIII. Para uma história da ortografia portuguesa. Lisboa: Instituto de Língua e Cultura Portuguesa, 1992. Disponível em: . Acesso em: 10 de Out. 2010.

GONÇALVES, M. F. Projectos oitocentistas de ortografia brasileira. 6º Congresso da AIL, Rio de Janeiro. Atas do VI Congresso da AIL, 2001, 8p. Disponível em: . Acesso em 10 de Out. 2010.

GONÇALVES, M. F. As ideias ortográficas em Portugal – De Madureira Feijó a Gonçalves Viana (17341911). Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian/Fundação para a Ciência e Tecnologia, 2003.

GONÇALVES, M. F. Ortografia e ideologia: a geração sónica. In: SILVA, M., BECHARA, E., FÁVERO, L. L.; CAGLIARI, L. C.; GONÇALVES, M. F.; AGUIAR, M. R.; COELHO, O. F.; CAVALIERE, R; KEMMLER, R. A ortografIa da língua portuguesa. História, discurso, representações. São Paulo: Editora Contexto, 2009, p. 95-113.

SILVA, M. O Novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. O que muda, o que não muda. São Paulo: Editora Contexto, 2008.

LENZ, R. Apuntaciones para un texto de ortología i ortografía de la lengua castellana. AUCh, LXXVIII, p.117-136, 1894.

LENZ, R. De la ortografia castellana. AUCh, LXXXVIII, 1894, p. 559-569.

KEMMLER, R. A Academia Orthográfica Portugueza na Lisboa do século das Luzes. Vida, obras e actividades de João Pinheiro Freire da Cunha (1838-1811). Frankfurt am Main: Domus Editoria Europaea, 2007.

KEMMLER, R. Para a história da ortografia simplificada. In: SILVA, M.; BECHARA, E.; FÁVERO, L. L.; CAGLIARI, L. C.; GONÇALVES, M. F.; AGUIAR, M. R.; COELHO, O.; F., CAVALIERE, R.M. KEMMLER, R. A ortografIa da língua portuguesa. História, discurso, representações. São Paulo: Editora Contexto, 2009, p. 53-94.

MARTÍNEZ ALCALDE, M. J. Teoría de la escritura y tópicos historiográficos sobre la ortografía española. In: II Congreso Internacional de la Sociedad Española de Historiografía Lingüística, León. Actas del II Congreso Internacional de Historiografía Lingüística. Madrid: Arco/Libros, p. 691-703.

MARTÍNEZ de SOUSA, J. Reforma de la ortografía española. Madrid: Visor Libros. 1991.

NEVES, Á. Aniceto dos Reis Gonçalves Viana. Bio-bibliografia In: Viana, A. dos R. G. Estudos de fonética portuguesa. Prefácio de L. F. L. Cintra, introdução de J. A. P. Ribeiro. Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 1973, p. 39-66.

NUNES, J. J. Gonçalves Viana. Boletim da Segunda Classe da Academia das Ciências de Lisboa, Lisboa, 10 (1915-1916), p. 645-648, 1917.

PELLAT, J.-C. Indépendance ou interaction de l’écrit et de l’oral? Recensement critique des definitions du grapheme. In: CATACH, N. (ed.) Pour une théorie de la langue écrite. Paris: Éditions du CNRS, 1988, p.132-146.

PESSOA, F. A língua portuguesa. Lisboa: Assírio & Alvim, 1997.

ROGERS, F. M. Gonçalves Viana and the Study of Portuguese Phonetics. In: VIANA, A. R. G. Estudos de fonética portuguesa. Prefácio de L. F. L. Cintra, introdução de J. A. P. Ribeiro. Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 1973, p. 67-79.

ROSENBLAT, A. Las ideas ortográficas de Bello. In: BELLO, A. Obras completas. Caracas: La Casa de Bello, 1981. V, p. IX-CXXXVIII.

SILVA, J. J. P. O idioma hodierno de Portugal comparado com o do Brasil. Por hum brasileiro. Rio de Janeiro: Typographia de Lourenço de Winter, 1879. SILVA, J. J. P. Systema de Orthographia Brazileira. pelo Auctor do Idioma Hodierno de Portugal comparado com o do Brazil. Rio de Janeiro: Typographia de Lourenço Winter, 1880.

SILVA, M. O Novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. O que muda, o que não muda. São Paulo: Editora Contexto, 2008.

SILVA, M. (org). Ortografia da língua portuguesa. História, discurso, representações. São Paulo: Editora Contexto, 2009.

VASCONCELOS, J. L. de. Gonçalves Viana. Apontamentos para a sua biographia In: Viana, A. dos R. G. Estudos de fonética portuguesa. Prefácio de L. F. L. Cintra, introdução de J. A. P. Ribeiro. Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 1973, p. 21-37.

VIANA, A. R. G. Essai de phonétique et de phonologie de la langue portugaise d'après le dialecte actuel de Lisbonne. Romania (separata), 12, p.29-98, 1883.

VIANA, A. R. G.; GONÇALVES ABREU, G. de. Bases da Ortografia Portuguesa. Lisboa: Imprensa Nacional, 1885.

VIANA, A. R. G. Exposição da pronúncia normal portuguesa para uso de nacionaes e estrangeiros. Lisboa: Imprensa Nacional, 1892.

VIANA, A. R. G. Ortografia Nacional. Simplificação e uniformização das ortografias portuguesas. Lisboa: Livraria Editora Vi+uva Tavares Cardoso, 1904.

VIANA, A. R. G. Estudos de fonética portuguesa. Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 1973.




DOI: https://doi.org/10.19134/eutomia-v1i06p%25p

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




 

Qualis (CAPES): B1-LETRAS / LINGUÍSTICA; B1-EDUCAÇÃO; B1-FILOSOFIA/TEOLOGIA:subcomissão FILOSOFIA; B1-INTERDISCIPLINAR; B3-CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS; B3-HISTÓRIA; B3-PSICOLOGIA; B5-EDUCAÇÃO FÍSICA; B5-ODONTOLOGIA; B5-SERVIÇO SOCIAL; C-ARTES / MÚSICA

Diretórios:


Indexadores:

 

Directory of Open Access Journals


Associação de revistas acadêmicas latinoamericanas de humanidades e ciências sociais

Institucional