O círculo de Bakhtin e sua contribuição ao estudo das práticas discursivas

Maria Bernadete Fernandes de Oliveira

Resumo


Resumo: Este texto discute o conceito de práticas discursivas em sua formulação pelo Círculo de Bakhtin. Explora as condições de emergência das práticas discursivas e sua relação com o mundo da vida, o sujeito e a alteridade.

Palavras-chave: Linguagem. Sujeito. Alteridade

 

Abstract: This paper deals on a discussion on the concept of discoursive practices how it may be read in the context of  Bakhtin’s Circle and how it emerges and how it becomes related to the so-called “ world of life”,to the subject and alterity.

Key-words: Language,Subject and Alterity


Texto completo:

PDF

Referências


AMORIM, M. O Pesquisador e seu Outro: Bakhtin nas Ciências Humanas. São Paulo.Musa Editora 2001.

BAJTIN, M. M. Hacia uma filosofia del acto ético :los borradores y otros escritos. Barcelona.Anthropos Editorial. 1977. Orig. 1919

______. Arte e Responsabilidade. In Estética da Criação Verbal. São.Paulo. Martins Fontes. 2003. Orig. 1919.

______.Autor e Herói. In Estética da Criação Verbal. São Paulo. Martins Fontes. 2003. Orig. 1921.

______. Reformulação do livro sobre Dostoievsky. In Estética da Criação Verbal. São.Paulo. Martins Fontes. 2003. Orig. 1961.

______. Estética da Criação Verbal. São Paulo. Martins Fontes. 2003.

______. O discurso no romance. In Questões de Estética e de Literatura. São Paulo. Martins Fontes. 1990 .Orig. 1934.

______. Problemas da Poética de Dostoievsky. Rio de Janeiro, Forense Universitária, 1981

______. A Cultura Popular na Idade Média e no Renascimento : o contexto de François Rabelais. São Paulo. Hucitec. 1965 .Orig.1946

______. Apontamentos. In Estética d a Criação Verbal. São.Paulo. Martins Fontes. 2003. Orig. 1971

BRAIT, B. Sujeito e Linguagem: a constitutiva alteridade. In: C a d er n os d e E st u d os Linguisticos, 35. 1998 .

______. Alteridade, dialogismo, heterogeneidade:nem sempre o outro é o mesmo. In B.Brait (org) Estudos enunciativos no Brasil: história e perspectivas . Campinas: Pontes, 2001

CASTRO, G. Formas sintáticas de enunciação: o problema do discurso citado no Círculo de Bakhtin. In B.Brait (org). Bakhtin e o Círculo. São Paulo. Editora Contexto.2009

CUNHA, D.A.C. Discours rapporté et circulation de la parole . Leuven/Louvain-la Neuve: PEETERS/ Publications Linguistiques de Louvain, 1992.

______. Do discurso citado à circulação dos discursos: a reformulação bakhtiniana de uma noção gramatical. M atr a g a . v. 22, Rio de Janeiro. 2008.

FARACO. C.A. Linguagem e Diálogo: as idéias lingüísticas do Círculo de Bakhtin. São Paulo. Parábola. 2009.

______. O estatuto da análise e interpretação dos textos no quadro do Círculo de Bakhtin. In: Ana Maria de Mattos Guimarães; Anna Rachel Machado; Antónia Coutinho. (Org.). O interacionismo sociodiscursivo : questões epistemológicas e metodológicas. 1 ed. Campinas (SP): Mercado de Letras, 2007.

______. Bakhtin e os estudos enunciativos no Brasil: algumas perspectivas. In: Beth Brait. (Org.). Estudos enunciativos no Brasil: histórias e perspectivas . 1 ed. Campinas (SP) - São Paulo: Pontes- FAPESP, 2001.

FARACO,C.A . e TEZZA, C. Para uma Filosofia do Ato. Tradução não publicada de Towards a Philosophy of Act. Austin. University of Texas Press. 1993

FOUCAULT, M. Arqueologia do Saber. 6ª.ed. Rio de Janeiro.Forense Universitária.2000. [1ª.ed.francesa 1969]

GERALDI, J.W. Portos de Passagem. São Paulo. Martins Fontes. 1991

______. Alteridades: espaços e tempos de instabilidades. In NEGRI, L.; OLIVEIRA, R.P. (orgs.). Sentido e Significação : em torno da obra de Rodolfo Ilari. São Paulo: Contexto, 2004.

MEDVEDEV, P./BAKHTIN, M. Formal method literary scholarship . London. John Hopkins University Press. 1978 .Orig.1928.

MOITA LOPES, L.P.da (org) Socioconstrucionismo: discurso e identidade social In. Discurso de Identidades. São Paulo.Mercado de Letras. 2003

OLIVEIRA, M.B.F. De. Bakhtin e a cultura contemporânea: sinalizações para a pesquisa em Lingüística Aplicada . Revista da A N P O L L , n.13. 2002.

______. Estudos Culturais e Dialogismo: contribuições ao estudo da alteridade. In: TRAVAGLIA, L.C. e MAGALHÃES, J.S. (Orgs.). Múltiplas perspectivas em Lingüística . Uberlândia, 2008. CD- ROM.

______. Sala de aula de língua e Práticas cidadãs. Trabalhos em Lingüística Aplicada . V. 41. Campinas.2003

______. Ensino de Língua Materna, enunciado e ato ético.Publicado nas Ata s d o X V Congresso Internacional de La A L F A L . Universidade de La República. Montevideo. 2008.

PONZIO,A. La rivoluzione bachtiniana: Il pensiero di Bachtin e l’ideologia contemporânea . Bari.Levante Editora. 1997

ROJO, R. H. R. . Gêneros de discurso/texto como objeto de ensino de línguas: Um retorno ao trivium?. In: SIGNORINI, I.. (Org.). [ Re] Discutir texto , gênero e discurso . 1ª ed. São Paulo: Parábola Editorial, 2008.

______. Gêneros do discurso e gêneros textuais: Questões teóricas e aplicadas. In: Meurer, J. L.; Motta-Roth, D.; Bonini, A.. (Org.). Gêneros : Teorias , métodos e debates . 1 ed. São Paulo: Editora Parábola, 2005.

VOLOSHINOV. V/BAKHTIN, M. Marxismo e Filosofia da Linguagem. São Paulo, Hucitec, 1969. Orig.1929.

ZOZZOLI, Rita M.D. Compreensão e produção responsivas ativas: indícios nas produções dos alunos. In: Rita Maria Diniz Zozzoli. (Org.). Ler e Produzir . Discurso , texto e formação do sujeito leitor /produtor. 1 ed. Maceió: EDUFAL, 2002.

______. Atividades de produção em sala de aula e dificuldades dos alunos na busca de uma autonomia relativa. In: ESPÍNDOLA, Lucienne; SOUZA, Ester. (Org.). O texto : vários olhares , múltiplos sentidos João Pessoa: 2007.




DOI: https://doi.org/10.19134/eutomia-v1i04p%25p

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




 

Qualis (CAPES): B1-LETRAS / LINGUÍSTICA; B1-EDUCAÇÃO; B1-FILOSOFIA/TEOLOGIA:subcomissão FILOSOFIA; B1-INTERDISCIPLINAR; B3-CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS; B3-HISTÓRIA; B3-PSICOLOGIA; B5-EDUCAÇÃO FÍSICA; B5-ODONTOLOGIA; B5-SERVIÇO SOCIAL; C-ARTES / MÚSICA

Diretórios:


Indexadores:

 

Directory of Open Access Journals


Associação de revistas acadêmicas latinoamericanas de humanidades e ciências sociais

Institucional