O que cabe em um Signo Linguístico? O caso do Fonema

Luiza Milano

Resumo


O presente artigo investiga a pertinência da consideração do fonema como signo linguístico no legado saussuriano. Para tanto, é realizado um percurso de leitura acerca da  delimitação das unidades acústicas em três diferentes fontes do autor, a saber, o Curso de Linguística Geral, os Escritos de Linguística Geral e o manuscrito Phonétique.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19134/eutomia-v1i17p67-78

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




 

Qualis (CAPES): B1-LETRAS / LINGUÍSTICA; B1-EDUCAÇÃO; B1-FILOSOFIA/TEOLOGIA:subcomissão FILOSOFIA; B1-INTERDISCIPLINAR; B3-CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS; B3-HISTÓRIA; B3-PSICOLOGIA; B5-EDUCAÇÃO FÍSICA; B5-ODONTOLOGIA; B5-SERVIÇO SOCIAL; C-ARTES / MÚSICA

Diretórios:


Indexadores:

 

Directory of Open Access Journals


Associação de revistas acadêmicas latinoamericanas de humanidades e ciências sociais

Institucional