Didática da escrita: reflexões sobre o desenvolvimento da capacidade de produção escrita

Fatiha Dechicha Parahyba

Resumo


O artigo apresenta uma reflexão sobre o papel da escola e do ensino no desenvolvimento da capacidade linguístico-discursiva na língua inglesa do aluno universitário. Com base em uma pesquisa bibliográfica, buscamos apreender a complexidade da escrita a partir da visão vygotskiana e o que ela implica em termos de aprendizagem e de desenvolvimento. Para esse fim, discutimos o conceito de ‘zona de desenvolvimento proximal’ na sua concepção mais detalhada do conceito de ‘desenvolvimento’, mostrando a relação entre ensino e desenvolvimento, bem como as condições nas quais o indivíduo se desenvolve e transforma seu comportamento de linguagem.


Palavras-chave


escrita; ensino e aprendizagem; desenvolvimento.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19134/eutomia-v1i19p178-199

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




 

Qualis (CAPES): B1-LETRAS / LINGUÍSTICA; B1-EDUCAÇÃO; B1-FILOSOFIA/TEOLOGIA:subcomissão FILOSOFIA; B1-INTERDISCIPLINAR; B3-CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS; B3-HISTÓRIA; B3-PSICOLOGIA; B5-EDUCAÇÃO FÍSICA; B5-ODONTOLOGIA; B5-SERVIÇO SOCIAL; C-ARTES / MÚSICA

Diretórios:


Indexadores:

 

Directory of Open Access Journals


Associação de revistas acadêmicas latinoamericanas de humanidades e ciências sociais

Institucional