Uma cartilha subvertida: língua, história e cultura através dos textos

Rose Mary do Nascimento Fraga, Valéria Severina Gomes

Resumo


Neste trabalho, discorremos sobre a publicação Identidade e Memória em Manuscritos e Impressos Pernambucanos: língua, história e cultura através dos textos, que apresenta uma proposta de trabalhos interdisciplinar a partir de textos reais, de gêneros variados, que circularam em Pernambuco entre os séculos XVIII e XX. Por meio da leitura e análise dos textos, podemos explorar vários aspectos não apenas da língua, mas também da cultura, da sociedade e da história de Pernambuco.

Texto completo:

PDF

Referências


BAKHTIN, Mikhail. Estética da criação verbal. São Paulo: Martins Fontes: 2000.

BARBOSA, Afranio. Tradições discursivas e tratamento de corpora históricos: desafios metodológicos para o estudo da formação do português brasileiro. In: LOBO, Tânia et. al. (Orgs.). Rosae: linguística histórica, história das línguas e outras histórias. Salvador: EDUFBA, 2012.

CALVET, Louis-Jean. Sociolinguística: uma introdução crítica. São Paulo: Parábola editorial, 2002.

FRAGA, Rose Mary. Anúncios: o comércio de coisas e de gente. In: SOARES, Tiago Nunes.; GOMES, Valéria Severina. Identidade e memória em manuscritos e impressos pernambucanos: língua, história e cultura através dos textos. Recife: Ed. dos Autores, 2012.

GALVES, Charlotte. Periodização e competição de gramáticas: o caso do português médio. In: LOBO, Tânia et. al. (Orgs.). Rosae: linguística histórica, história das línguas e outras histórias. Salvador: EDUFBA, 2012.

GOMES, Valéria Severina. Traços de mudanças e de permanência em editoriais de jornais pernambucanos: da forma ao sentido. Tese de Doutorado apresentada à Universidade Federal Rural de Pernambuco. Recife, 2007.

GUEDES, Marymarcia & BERLINK, Rosane de Andrade (Org.). E os preços eram commodos – Anúncios de jornais brasileiros século XIX. São Paulo: Humanitas, 2000.

ILARI, Rodolfo; BASSO, Renato. O português da gente: a língua que estudamos, a língua que falamos. São Paulo: Contexto, 2006.

KABATEK, Johannes. Tradiciones Discursivas y Cambio Lingüístico. Fundacion Duques de Soria. Seminário de História da Língua Espanhola “El cambio lingüístico na historia española. Nuevas perspectivas”. Soria, Del 7 a 11 de Julio de 2003.

LIMA, M. L. C. A leitura como atividade interdisciplinar e a formação do professor. In: MATTE, A. C. F. (Org.). Língua(gem), texto, discurso: entre a reflexão e a prática. Rio de Janeiro: Lucerna; Belo Horizonte, MG: FALE/UFMG, 2007 pp 122-135.

MARCUSCHI, Luiz Antônio. Gêneros textuais: o que são, como se classificam? Recife, UFPE (MIMEO), 2000.

_____. Linguística de texto: o que é e como se faz? São Paulo: Parábola Editorial, 2012.

OESTERREICHER, Wulf. Autonomización del Texto e Recontextualización. Dos problemas fundamentales en las ciencias del texto. In: RODRÍGUEZ, Eduardo Hopkins (Ed.) Homenaje Luis Jaime Cisneros. Lima, Pontifícia Universidad Católica del peru, vol. I, 2002, pp. 343-387.

PESSOA, Marlos de Barros. Da carta a outros gêneros textuais. In: LAMOGLIA, Maria Eugênia et. al (Orgs.). Para a história do português brasileiro. Notícias de corpora e outros estudos, vol. IV. Rio de Janeiro: UFRJ/FAPERJ, 2002 p 197-205.

________ . Formação de uma variedade urbana e semi-oralidade: o caso do Recife, Brasil. Tübingen: Max Niemeyer Verlag, 2003.

RIZZINI, Carlos. O jornalismo antes da tipografia. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 1968.

ROJO, Roxane. Modos de transposição dos PCNs às práticas de sala de aula: progressão circular e projetos. In: ROJO, Roxane (Org.). A prática da linguagem em sala de aula: praticando os PCNs. Campinas-SP: Editora da UNICAMP, 2000.

SANTOS, Carmi Ferraz; MENDONÇA, Márcia; CAVALCANTE, Marianne C. B. Trabalhar com texto é trabalhar com gênero? In: ______ (Orgs.). Diversidade textual: os gêneros na sala de aula. Belo Horizonte: Autêntica, 2006.

SOARES, Thiago Nunes; GOMES, Valéria Severina (Orgs.). Identidade e memória em manuscritos e impressos pernambucanos: língua, história e cultura através dos textos. Recife: Ed. dos Autores, 2012.

SODRÉ, Nelson Werneck. Síntese da história da cultura brasileira. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1999.

TARALLO, Fernando. A Fênix finalmente renascida. Boletim da ABRALIN, n. 6, 1994, p. 95-103.

TRAVASSOS, Tarcísia; FERREIRA, Priscilla Elizabeth da Silva Costa. Cartas particulares: história das pessoas, da sociedade e da linguagem. In: SOARES, Thiago Nunes; GOMES, Valéria Severina. Identidade e memória em manuscritos e impressos pernambucanos: língua, história e cultura através dos textos. Recife: Ed. dos Autores, 2012.




DOI: https://doi.org/10.19134/eutomia-v1i12p%25p

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




 

Qualis (CAPES): B1-LETRAS / LINGUÍSTICA; B1-EDUCAÇÃO; B1-FILOSOFIA/TEOLOGIA:subcomissão FILOSOFIA; B1-INTERDISCIPLINAR; B3-CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS; B3-HISTÓRIA; B3-PSICOLOGIA; B5-EDUCAÇÃO FÍSICA; B5-ODONTOLOGIA; B5-SERVIÇO SOCIAL; C-ARTES / MÚSICA

Diretórios:


Indexadores:

 

Directory of Open Access Journals


Associação de revistas acadêmicas latinoamericanas de humanidades e ciências sociais

Institucional