ANÁLISE ESPAÇO-TEMPORAL DO USO E COBERTURA DA TERRA NO MUNICÍPIO DE EXU, PE

Danielle Gomes da Silva, Ítalo Rodrigo Paulino de Arruda, Maria Luísa Gomes da Silva, Pedro dos Santos Ferreira, Viviane Pedroso Gomes

Resumo


O objetivo deste estudo consistiu em analisar a variação espaço-temporal do uso e cobertura da terra no município de Exu – PE. Para gerar os mapas utilizou-se imagens do satélite Landsat 5 e Landsat 8. Para classificação das imagens, gerouse uma nuvem com 100 pontos em ambiente SIG. Os resultados indicaram que o município apresentou uma redução das áreas de vegetação nativa nos últimos 10 anos. As áreas de vegetação de Caatinga, passaram de 30% em 2006, para 24% do território em 2016. Outra classe representativa na área é a Floresta Estacional Decidual que sofreu redução, passando de 29% (2006) para 27% em 2016. O ritmo de desmatamento na região possui relação direta com as práticas agropecuárias adotadas. Um dos principais modelos agrícolas na região, o de Sequeiro, teve sua área ampliada neste intervalo de 10 anos. Passando de 41% para 49%.

 

SPACE-TEMPORAL ANALYSIS OF LAND USE AND COVERAGE IN THE MUNICIPALITY OF EXU, PE


ABSTRACT


The objective of this study was to analyze the space-time variation of land use and land cover in the municipality of Exu - PE. Landsat 5 and Landsat 8 images were used to generate the maps. To classify the images, a cloud with 100 points was generated in a GIS environment. The results indicated that the municipality presented a reduction of the areas of native vegetation in the last 10 years. The vegetation areas of Caatinga increased from 30% in 2006 to 24% of the territory in 2016. Another representative class in the area is the Decidual Seasonal Forest, which decreased from 29% (2006) to 27% in 2016. The Deforestation rate in the region is directly related to the agricultural practices adopted. One of the main agricultural models in the region, that of dry-farming, had its area enlarged in this interval of 10 years. Moving from 41% to 49%.

Keywords: Supervised classification; degradation; Geotechnologies.



Palavras-chave


Classificação supervisionada; degradação; geotecnologias

Texto completo:

PDF

Referências


ABDALLA, M. et al. Simulating the impacts of land use in Northwest Europe on NetEcosystem Exchange (NEE): The role of arable ecosystems, grasslands and forest plantations in climate change mitigation. Science of the Total Environment, v. 465, p.325–336, 2013.

ASSIS, J.M.O. ; SOUZA, W.M. ; SOBRAL, M. C. M. . CLIMATE ANALYSIS OF THE RAINFALL IN THE LOWER-MIDDLE STRETCH OF THE SÃO FRANCISCO RIVER BASIN BASED ON THE RAIN ANOMALY INDEX. Revista Brasileira de Ciências Ambientais (Online), v. 2, p. 188-202, 2015.

BASTIAANSSEN, W. G. M. Regionalization of surface flux densities and moisture indicators in composite terrain. Wageningen: Wageningen Agricultural University, 1995. 237p. PhD thesis.

BIRADAR, C. M. et al. A global map of rainfed cropland areas (GMRCA) at the end of last millennium using remote sensing. International Journal of Applied Earth Observation and Geoinformation, v. 11, n. 2, p. 114–129, 2009.

CPRM - Empresa Pública vinculada ao Ministério de Minas e Energia com as atribuiçõesde Serviço Geológico do Brasil. Disponível em: http://www.cprm.gov.br/publique/media/Hidrologia/mapas_publicacoes/Atlas_Digital_RHS/pernambuco/relatorios/EXU057.pdf>. Acesso em: 10 de dezembro de 2016.

FRITZ, S. et al. Geo-wiki.org: The use of crowdsourcing to improve global land cover. Remote Sensing, v. 1, n. 3, p. 345–354, 2009.

IPCC. Climate Change 2013: The Physical Science Basis. Contribution of Working Group I to the Fifth Assessment Report of the Intergovernmental Panel on Climate Change [Stocker, T.F., D. Qin, G.-K. Plattner, M. Tignor, S.K. Allen, J. Boschung, A. Nauels, Y. Xia, V. Bex and P.M. Midgley (eds.)]. Cambridge University Press, Cambridge, United Kingdom and New York, NY, USA, 2013. 1535p

LEGESSE, D.; VALLET-COULOMB, C.; GASSE, F. Hydrological response of a catchment to climate and land use changes in Tropical Africa: Case study south central Ethiopia. Journal of Hydrology, v. 275, n. 1–2, p. 67–85, 2003.

LEITE, E. F, ROSA, R. Análise do uso, ocupação e cobertura da terra na bacia hidrográfica do Rio Formiga, Tocantins. OBSERVATORIUM: Revista Eletrônica de Geografia, v.4, n.12, p. 90-106, dez. 2012.

LI, Z. et al. Impacts of land use change and climate variability on hydrology in an agricultural catchment on the Loess Plateau of China. Journal of Hydrology, v. 377, n. 1–2, p. 35–42, 2009.

LOPES, H. L. et al. Parâmetros biofísicos na detecção de mudanças na cobertura e uso do solo em bacias hidrográficas. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, v.14, n. 11, p. 1210–1219, 2010.

LÓPEZ-MORENO, J. I. et al. Impact of climate and land use change on water availability and reservoir management: Scenarios in the Upper Arago´n River, Spanish Pyrenees. Science of the Total Environment, v. 493, p. 1222–1231, 2014.

MARKHAM, B. L.; BARKER, L. L. Thematic mapper bandpass solar exoatmospherical irradiances. International Journal of Remote Sensing, v.8, n.3, p.517-523, 1987.

NOVO, E. M. L. M. Sensoriamento Remoto: princípios e aplicações. São Paulo. ed.: Edgard Blücher, 2008, 363p.

PAULA, M. R, CABRAL, J. B. P, MARTINS, A. P. Uso de técnicas de sensoriamento remoto e geoprocessamento na caracterização do uso da terra da bacia hidrográfica da Uhe Caçu – GO. REVISTA GEONORTE, Edição Especial, V.4, N.4, p.1482 – 1490, 2012.

PERAZZOLI, M.; PINHEIRO, A.; KAUFMANN, V. Efeitos de cenários de uso do solo sobre o regime hidríco e produção de sedimentos na bacia do Ribeirão Concórdia - SC. Revista Árvore, v. 37, p. 859–869, 2013.

REZENDE, M., & ROSENDO, J. S. Analise da evolução da ocupação do uso da terra no município de Ituiutaba-MG utilizando técnicas de geoprocessamento e sensoriamento remoto. Horizonte Científico, v. 3, n. 1, 2010.

ROSA, Roberto. Introdução ao sensoriamento remoto. Uberlândia: Ed. UFU, 2007. 248p. In: LEITE, E. F, ROSA, R. Análise do uso, ocupação e cobertura da terra na bacia hidrográfica do Rio Formiga, Tocantins. OBSERVATORIUM: Revista Eletrônica de Geografia, v.4, n.12, p. 90-106, dez. 2012.

SANTOS, A. M. DOS; GALVÍNCIO, J. D. Mudanças climáticas e cenários de susceptibilidade ambiental à desertificação em municípios do estado de Pernambuco.

OBSERVATORIUM: Revista Eletrônica de Geografia, v. 5, n. 13, p. 66–83, 2013.

SCHNEIDER, A.; FRIEDL, M. A.; POTERE, D. Mapping global urban areas using MODIS 500-m data: New methods and datasets based on “urban ecoregions”. Remote Sensing of Environment, v. 114, n. 8, p. 1733–1746, 2010.

SECTMA. Programa de Ação Estadual de Pernambuco para o Combate à Desertificação e Mitigação aos Efeitos da Seca – PAE-PE / SECTMA, Recife, BRA: CEPE; 2009.

WULDER, M. A. et al. An accuracy assessment framework for large-area land cover classification products derived from medium-resolution satellite data. International Journal of Remote Sensing, v. 27, n. 4, p. 663–683, 2006.




DOI: https://doi.org/10.20891/clio.V31N3p193-210

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

ISSN: 2448-2331

© 1984-2020 CLIO Arqueológica 
Universidade Federal de Pernambuco - UFPE
Programa de Pós-Graduação em Arqueologia
Centro de Filosofia e Ciências Humanas, 10º andar
Avenida da Arquitetura, S/N - Cidade Universitária
CEP 50.740-550 Recife (PE), Brasil

 

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License

 

UFPE LOCKSS Open Access

 

Instituições de referência para a CLIO Arqueológica:

Capes ABEC Fumdham INAPAS LatinRev