DOS PROBLEMAS DE CONSERVAÇÃO DO SÍTIO PEDRA DO ATLAS, PIRIPIRI, PIAUÍ

Luis Carlos Duarte Cavalcante, Pablo Roggers Amaral Rodrigues

Resumo


O sítio de arte rupestre Pedra do Atlas está localizado na área rural do Município de Piripiri, Estado do Piauí, Brasil. As paredes de arenito estão cobertas de grafismos geométricos, motivos antropomórficos e ornitomórficos muito esquematizados, pintados em padrões policrômicos. O esforço para preservar e estudar os sítios de arte rupestre não deve ser apenas dos cientistas, mas de toda a comunidade. A investigação de um passado tão remoto como aquele que deixou seus sinais nos abrigos rochosos e paredões é, ao mesmo tempo, uma forma de conhecer a ancestralidade de nossas origens como sociedade e acreditar na relevância de sua experiência para a construção de nosso futuro.

 

ABSTRACT

Pedra do Atlas rock art site is located in rural Piripiri township, Piauí, Brazil. The sandstone walls are covered with highly schematized geometric, anthropomorphic and ornithomorphic graphic motifs, painted in polychromatic patterns. The effort to preserve and to study the rock art sites should not come only from scientists but from the whole community. The study of a past as remote as that which made its mark in rock-shelters and walls is a way of learning more about Brazilian society’s ancestral roots. It also reflects our belief in the relevance of our ancestors’ experience for the construction of our future.

KEYWORDS: Rock art; Alteration deposits; Conservation


Palavras-chave


Arte rupestre; Depósitos de alteração; Conservação

Texto completo:

PDF

Referências


BELTRÃO, M.; LOCKS, M.; CORDEIRO, D. 1994. “Project Central (Bahia, Brazil): Rock Art in the Chapada Diamamtina Uplands”. Revista de Arqueologia 8(1), 337-351

ETCHEVARNE, C. 2007. Escrito na pedra: cor, forma e movimento nos grafismos rupestres da Bahia/Written on stone: color, form and movement in the rock graphics of Bahia. Rio de Janeiro, Odebrecht

FIGUEIREDO, D.; PUCCIONI, S. (Org.). 2006. Consolidação estrutural da Toca da Entrada do Pajaú: diagnóstico e proposta de intervenção. Teresina: IPHAN

FORTES, F. P. 1996. Geologia de Sete Cidades. Teresina: Fundação Cultural Monsenhor Chaves

GUIDON, N. 2007. “Parque Nacional Serra da Capivara: modelo de preservação do patrimônio arqueológico ameaçado”. Rev. Patrimônio Histórico e Artístico Nacional 33, 75-93

GUIDON, N. 2003. “Arqueologia da região do Parque Nacional Serra da Capivara – Sudeste do Piauí”. ComCiência 47, setembro

GUIDON, N.; PESSIS, A.-M.; MARTIN, G. 2009. “Pesquisas arqueológicas na região do Parque Nacional Serra da Capivara e seu entorno (Piauí – 1998 – 2008)”. FUMDHAMentos 8, 1-61

INSTITUTO BRASILEIRO DE DESENVOLVIMENTO FLORESTAL - IBDF. 1979. Plano de Manejo do PARNA de Sete Cidades, Brasília

LAGE, M. C. S. M. 2007. “A conservação de sítios de arte rupestre”. Rev. Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, 33, 95-107

LAGE, M. C. S. M.; BORGES, J. F.; ROCHA JÚNIOR, S. 2004/2005. “Sítios de registros rupestres: monitoramento e conservação”. Mneme – Rev. Humanidades 6(13), 1-24

MARTIN, G. 2005. Pré-história do Nordeste do Brasil. Recife: Ed. Universitária da UFPE.

PESSIS, A.-M. 2003. Imagens da pré-história. Parque Nacional Serra da Capivara. FUMDHAM/PETROBRAS

RODRIGUES, J. L. P. 1998. Estudos regionais: Geografia e História do Piauí. Teresina: Halley S. A. Gráfica e Editora




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

ISSN: 2448-2331

© 1984-2020 CLIO Arqueológica 
Universidade Federal de Pernambuco - UFPE
Programa de Pós-Graduação em Arqueologia
Centro de Filosofia e Ciências Humanas, 10º andar
Avenida da Arquitetura, S/N - Cidade Universitária
CEP 50.740-550 Recife (PE), Brasil

 

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License

 

UFPE LOCKSS Open Access

 

Instituições de referência para a CLIO Arqueológica:

Capes ABEC Fumdham INAPAS LatinRev