PEDAGOGIA E O JOGO NO VOLEIBOL: Uma revisão integrativa O Jogo de Voleibol sob a ótica pedagógica

Marcelo Francisco Rodrigues, Daniel Feliciano Alexandre, Stefany Fernanda Pereira, Vitor Hugo de Freitas Contessoto

Resumo


Introdução: O voleibol é um esporte coletivo, que atualmente demonstra notoriedade na mídia, e como consequência dessa exposição houve grande aumento do número de adeptos desta modalidade esportiva. As metodologias de ensino para o esporte denotam papel importante no processo de aprendizagem. A partir desse pressuposto, novas aplicações pedagógicas foram evidenciadas na literatura, que retratam a pedagogia no esporte como um complemento à compreensão das atividades no âmbito da prática principalmente na educação física, pois além de realizarem os movimentos esportivos, a pedagogia agrega ao aluno valores em relação às atitudes que circundam a pratica em si, como análise dos porquês da realização de tais movimentos. Diante do atual quadro e pelo crescente apelo por atividades voltadas para a pedagogia do esporte aplicada no voleibol. Objetivo: Faz-se necessário a pesquisa integrativa na literatura expondo estudos que fazem parte da literatura específica para demonstrar as discussões sobre a aprendizagem do Voleibol. Método: Esse trabalho foi desenvolvido por meio de uma revisão integrativa, que tem como proposta revisar a literatura e identificar os estudos relacionados a este tema, aplicando métodos de buscas nas bases de dados nacionais e internacionais, sendo elas Scientific Electronic Library Online (SCIELO), Caribe em Ciências da Saúde (LILACS) e Centro Latino-Americano e do Caribe de informações em Ciências da Saúde (BIREME). Discussão: O voleibol tem sido pensado como esporte coletivo sob uma perspectiva de aprendizagem e treinamento não somente no método tradicional. Conclusão: Concluímos que o emprego da pedagogia do esporte favorece ao ensino da modalidade de voleibol, na fase de iniciação e ao alto rendimento, utilizando dos métodos pré-descritos no trabalho, sendo eles o global funcional e analítico sintético. Compreendendo todos os aspectos que envolvem uma prática esportiva, como desenvolvimento motor, integração social, modulação de caráter pessoal e habilidades técnicas e táticas pertinentes ao voleibol.

Palavras chaves: Metodologia, Revisão Integrativa, Aprendizagem, Esporte Coletivo, Educação Física.


Texto completo:

PDF

Referências


ALTINI NETO, A; PELLEGRINOTTI, I; L., MONTEBELO, M. I. L. Efeitos de um programa de treinamento neuromuscular sobre o consumo máximo de oxigênio e salto vertical em atletas iniciantes de voleibol. Revista brasileira de Medicina do Esporte, v. 12, n. 1, Jan./Fev. 2006.

BAKER, J; COTÊ, J.; ABERNETHY, B. Sport specific training, deliberarem practice and the development of expertise in tem ball sport. Journal of Applied Sport Psychology, Chapel Hill, v.15, p. 12-25, 2003.

BARROSO, A. L. R.; DARIDO, S. C. Voleibol escolar: uma proposta de ensino nas dimensões conceitual, procedimental e atitudinal do conteúdo. Revista brasileira de Educação Física e Esporte, São Paulo, v. 24, n. 2, p. 94-179, Abr./Jun. 2010.

BARROSO, A. L. R.; DARIDO, S. C. A Pedagogia Do Esporte E As Dimensões Dos Conteúdos: Conceitual, Procedimental E Atitudinal. Revista da Educação Fisica/UEM, Maringá, v. 20, n. 2, p. 281-289, 2. trim. 2009.

BAYER, C. O Ensino dos Desportos Coletivos. Editions Vigot, Paris, 1994.

BOMPA, T. O. Periodização: teoria e metodologia do treinamento. São Paulo. Phorte, 2002.

CABRAL, B. G.; CABRAL, S. A.; MEDEIROS, R. M.; ALCANTARA, T.; DANTAS, P. M. S. Relação da maturação com a antropometria e aptidão física na iniciação desportiva. Fundação Técnica e Científica do Desporto. Motricidade, v. 9, n.4, p. 12-21, 2013.

COLLET, C.; NASCIMENTO, J. V.; RAMOS, V.; STEFANELLO, J. M. F. Construção e validação do instrumento de avaliação do desempenho técnico-tático no voleibol. Revista brasileira de Cineantropometria e Desempenho Humano, p. 43-51, 2011.

COSTA, Y. P.; SOUSA, M. S. C.; SILVA, J. C. G.; ARAUJO, J. P.; RODRIGUES NETO, G.; BATISTA, G. R. Indicadores de rendimento técnico-tático em função do resultado do set no voleibol escolar. Motricidade, v. 13, p. 34-40, 2017.

CÔTÉ, J. The influence of the Family in the Development of Talent in Sport. The Sport Psychologist, Cardiff, Gales, v. 3, ed. 4, p. 395-417. 1999.

FAGUNDES, F. M.; RIBAS, J. F. M. A dinâmica do voleibol sob as lentes da praxiologia motriz: uma análise praxiológica do levantamento. Revista brasileira de Ciência e Movimento, p. 134-149, 2017.

GOMES, S. S.; MIRANDA, R.; BARA FILHO, M. G.; BRANDÃO, M. R. F. O fluxo no voleibol: Relação com a motivação, autoeficácia, habilidade percebida e orientação às metas. Revista de Educação Física/ UEM, v. 23, n. 3. p. 379-387, 3. Trim. 2012.

GOUVÊA, F. L. e LOPES, M. B. S. Análise de distribuição ofensiva (levantamentos) no voleibol Infanto-Juvenil feminino. Revista do Instituto de Ciências da Saúde, p. 337-344, 2007.

GRECO,P. J.e MATIAS,C.J.A.S., Jogos Esportivos Coletivos. Revista Mackenzie de Educação Física e Esporte v 10, n. 2, 2011, p49-63.

LIMA, C. O. V.; MARTINS-COSTA, H. C.; GRECO, P. J. Relação entre o processo de ensino-aprendizagem-treinamento e o desenvolvimento do conhecimento tático no voleibol. Revista brasileira de Educação Física e Esporte, São Paulo, v. 25, n. 2, p. 251-261, Abr./Jan. 2011.

LIMA, C. O. V.; MATIAS, C. J. A. S.; GRECO, P. J. O conhecimento tático produto de métodos de ensino combinados e aplicados em sequências inversas no voleibol. Revista brasileira de Educação Física e Esporte, São Paulo, v. 26, n. 1, p. 47-129, Jan./Mar. 2012.

MACIEL, R. N. Mini-voleibol como estratégia de ensino do voleibol. Perspectiva Online. V. 5, N. 17 p.149-154, Ano 2011.

MARQUES, R. F. R.; LIMA, C. P., MORAES, C.; NUNOMURA, M. SIMOES, E. C. Formação de jogadores profissionais de voleibol: relações entre atletas de elite e a especialização precoce. Revista brasileira de Educação Física e Esporte, São Paulo, p. 293-304, Abr./Jun. 2014.

MASSA, M. UEZU, R.; BOHME, M. T. S.; SILVA, L. R. R.; KNIJNIK, J. D. Desempenho esportivo no judô olímpico brasileiro: o talento é precoce? Revista Brasileira de Ciência e Movimento, p. 5-10, 2010.

MATIAS, C. J. A. S. e GRECO, P. J. Atribuição dada pelo levantados em sua organização ofensiva ao papel do treinador: da base ao alto nível do voleibol. Revista brasileira de Ciências do Esporte, p. 392-399, 2016.

MILISTETD, M.; MESQUITA, I.; NASCIMENTO, J. V.; SOUSA SOBRINHO, A. E. P. Concepções de treinadores “experts” brasileiros sobre o processo de formação desportiva do jogador de voleibol. Revista brasileira de Educação Física e Esporte, São Paulo, v. 24, n.1, p.79-93, Jan./Mar. 2010.

MILISTETD, M.; NASCIMENTO, J. V.; SILVEIRA, J.; FUSVERKI, D. Análise da organização competitiva de crianças e jovens: adaptações estruturais e funcionais. Revista brasileira de Ciências do Esporte, p. 671-678, 2014.

NOGUEIRA, Q. W. C. Equipes esportivas no colégio Arquidiocesano Sagrado Coração de Jesus: Anotações sobre a experiência de jogo como formação. Movimento, Revista da Escola de Educação Física da UFRGS, Porto Alegre, v. 21, n. 3, p. 731-742, Jul./Set. 2015.

PAES, R.R. A pedagogia do esporte e os jogos coletivos. Esporte e atividade física na infância e adolescência. São Paulo: Artmed, 2001. P. 89-98.

PORATH, M.; COLLET, C.; MILISTED, M.; SALLES, W. N.; NASCIMENTO, J. V. Nível de desempenho técnico-tático das equipes de voleibol em escalões de formação. Motricidade, v. 12, n. 2. P. 8-17, 2016.

RODRIGUES; M. F.; COLLA, A.; PRADO, L. A.R.; LAZARI, R. D, R.; MIGUEL, H., Os jogos lúdicos na iniciação do voleibol para crianças de 8 a 10 anos ludicidade e voleibol; Revista Brasileira do Esporte Coletivo - v. 2, n. 2, p 43-47, 2018.

SCHULZ, J. O professor PDE e os desafios da escola pública Paranaense. Produção didático-pedagógica 2009. União da Vitória, V. 2, 2010.

SERRANO, J. M. P. R.; SANTOS, S. D. L. S.; SAMPAIO, A. J. E.; LEITE, N. M. C. Iniciação desportiva, atividades prévias e especialização no treino de futsal em Portugal. Motriz. Revista de Educação Física. UNESP, Rio Claro, SP, Brasil, v.19, n.1, p.99-113, Jan./Mar. 2013.

SILVA, M. M. F.; VIDUAL, M. B. P.; OLIVEIRA, R. A.; YOSHIDA, H. M., BORIN, J. P.; FERNANDES, P. T. Ansiedade e desempenho de jogadoras de voleibol em partidas realizadas dentro e fora de casa. Revista de Educação Física/ UEM, v. 25, n. 4, p. 585-596, 4. Trim. 2014.

SOUZA, M. T.; SILVA, M. D.; CARVALHO, R. Revisão integrativa: o que é e como fazer. Albert Einstain Instituto Israelista de Ensino e Pesquisa. 2010, p. 102-106.

SOUZA, T. M. F.; ASSUMPÇÃO, C. O.; ZABAGLIA, R.; GARCIA, M., A importância do voleibol enquanto lúdico e modalidade desportiva dentro da educação física escolar; Anuário da Produção Acadêmica Docente. Vol. 4, n. 7, p. 115-124, Ano 2010.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.