DIREITO AO ESQUECIMENTO: DA PROTEÇÃO À INTIMIDADE DO CIDADÃO AOS LIMIARES DO CONFLITO ENTRE O DIREITO À PRIVACIDADE E A LIBERDADE DE EXPRESSÃO.

Ana Carla Cabral de Melo Albuquerque

Resumo


O presente estudo se destina à investigar a problemática do direito ao esquecimento, dentro da metodologia de ponderação entre os direitos à personalidade. Conclui-se que, tal como a reabilitação penal, fatos privados podem ser fulminados pelo direito ao esquecimento como a mais moderna forma de tutela dos direitos da personalidade. 

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Ana Carla Cabral de Melo Albuquerque

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

BASES, DIRETÓRIOS E INDEXADORES:



APOIO: