Epistemologia, ontologia e linguagem em Verdade e método: uma exposição crítica

Marcos Fanton, Emanuel Bagetti Zeifert

Resumo


A principal proposta deste artigo é realizar uma avaliação crítica da hermenêutica filosófica de Gadamer. Para isso, realizaremos, em um primeiro momento, uma reconstrução argumentativa das principais teses elaboradas em Verdade e Método com o intuito de aclarar a posição filosófica, o estatuto teórico e o principal objeto da hermenêutica filosófica. Em um segundo momento, realizaremos alguns comentários críticos a respeito do programa da hermenêutica filosófica recém-exposto, apontando para imprecisões e a uma possível autocontradição. Tais problemas surgem, como será argumentado, a partir de uma confusão entre diferentes dimensões teóricas da linguagem, que passa despercebida por Gadamer.

Palavras-chave


Hans-Georg Gadamer. Hermenêutica filosófica. Epistemologia. Ontologia. Linguagem

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais

Esta é uma revista de acesso aberto. Isto significa que todo o conteúdo está disponível de maneira livre e gratuita para o usuário (a) ou para sua instituição. Aos usuários (as) é permitido ler, fazer download, copiar, distribuir, imprimir, fazer buscas e usar o link para os textos completos de artigos ou usá-lo para qualquer outra finalidade legal, sem ter que pedir permissão para editores ou autores. 

Licença Creative Commons
Esta revista está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Perspectiva Filosófica está indexada atualmente pelo DIADORIM, pelo Sumário.org, pelo Google Scholar, pela REDIB e pelo LATINDEX.