A construção do conhecimento: uma teoria abelardiana

Izabela Domingos da Silva, Anderson D'Arc Ferreira

Resumo


O presente trabalho visa apresentar, de forma sucinta, uma breve análise acerca do processo Intelectivo descrito por Pedro Abelardo em sua obra De Intellectibus. Trataremos das duas formas para as quais o processo intelectivo se volta, fazendo uma maior referência ao processo lógico, pois iremos considerar apenas as proposições com uma construção correta e que possuam correspondentes no mundo, ou ainda, das quais possa ser atestado um valor de verdade. Dentro das intelecções lógicas trataremos dos tipos de intelecção e do papel da linguagem nesse processo. No ponto de vista de Abelardo as palavras passam a ser tidas como voz dotada de significado, portanto, algo previamente estabelecido pelo homem e que, a partir de disso, faz com que ela “imprima” seu significado na alma. Por fim, buscaremos expor que a questão da intelecção não se atém apenas à teoria da linguagem, mas também a uma teoria do conhecimento. É a forma como Abelardo descreve a relação da nossa mente com o mundo.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.