A construção do conhecimento: uma teoria abelardiana

Izabela Domingos da Silva, Anderson D'Arc Ferreira

Resumo


O presente trabalho visa apresentar, de forma sucinta, uma breve análise acerca do processo Intelectivo descrito por Pedro Abelardo em sua obra De Intellectibus. Trataremos das duas formas para as quais o processo intelectivo se volta, fazendo uma maior referência ao processo lógico, pois iremos considerar apenas as proposições com uma construção correta e que possuam correspondentes no mundo, ou ainda, das quais possa ser atestado um valor de verdade. Dentro das intelecções lógicas trataremos dos tipos de intelecção e do papel da linguagem nesse processo. No ponto de vista de Abelardo as palavras passam a ser tidas como voz dotada de significado, portanto, algo previamente estabelecido pelo homem e que, a partir de disso, faz com que ela “imprima” seu significado na alma. Por fim, buscaremos expor que a questão da intelecção não se atém apenas à teoria da linguagem, mas também a uma teoria do conhecimento. É a forma como Abelardo descreve a relação da nossa mente com o mundo.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Revista Perspectiva Filosófica - ISSN: 2357-9986

Esta é uma revista de acesso aberto. Isto significa que todo o conteúdo está disponível de maneira livre e gratuita para o usuário (a) ou para sua instituição. Aos usuários (as) é permitido ler, fazer download, copiar, distribuir, imprimir, fazer buscas e usar o link para os textos completos de artigos ou usá-lo para qualquer outra finalidade legal, sem ter que pedir permissão para editores ou autores. 

Licença Creative Commons
Esta revista está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Perspectiva Filosófica está indexada atualmente pelo DIADORIM, pelo Sumário.org, pelo Google Scholar, pela REDIB e pelo LATINDEX.