Entre a burocracia e a Câmara Federal: a profissionalização dos deputados federais no período de 1946 a 1964

Ana Paula Lopes Ferreira, Mariana Werner de Lemos

Resumo


O estudo mostra a profissionalização dos deputados federais com origem no funcionalismo público que foram eleitos para a Câmara Federal brasileira entre 1946 e 1962. Testamos a hipótese de que diferentes tipos de funcionários públicos tendem a apresentar diferentes graus de profissionalização política, desse modo, ocupantes de cargos de destaque em suas carreiras públicas apresentam menor grau de profissionalização, uma vez que possuem recursos para driblar etapas da carreira política. Para testar tal hipótese usamos a prosopografia, analisando 87 perfis parlamentares que comportam 126 mandatos. A análise mostrou que diferentes escalões produzem diferentes carreiras políticas, e que indivíduos provenientes do alto escalão do funcionalismo público são detentores de atributos que contribuem para a ascensão facilitada a cargos políticos mais altos, no entanto, possuem menor profissionalização política uma vez que não são experimentados na carreira política antes de chegar a Câmara Federal

Palavras-chave


profissionalização política; deputados federais; funcionalismo público.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista Política Hoje - ISSN: 0104-7094

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

I S S N   0 1 0 4  –  7 0 9 4