Transformações Metodológicas na Ciência Política Contemporânea

Flávio da Cunha Rezende

Resumo


Desde meados dos anos 90 do século passado, muito em decorrência da globalização, das mudanças tecnológicas, bem como por fatores endógenos, a produção acadêmica de alto fator de impacto na Ciência Política Contemporânea tem marcada sido pela ocorrência de transformações substantivas nos seus padrões de cientificidade. Estas transformações se converteram em “valores e crenças” que institucionalizaram a existência de um conjunto particular de condições que a tornam mais rigorosa em termos de métodos e técnicas, e mais orientada por qualidade inferencial, e por uma busca por causação. A questão básica que o trabalho se debruça é exatamente: “quais os valores e crenças que moldam a produção de conhecimento na ciência política, e porque estes introduzem uma nova concepção de ciência?”  Para oferecer respostas a esta questão, este trabalho busca, lastreado em um exame amplo de trabalhos produzidos em periódicos científicos nos últimos 20 anos, identificar, mapear e entender mais amplamente as instituições – compreendidas como valores, crenças, e parâmetros - que estruturam o estudo científico da política na atualidade.    


Palavras-chave


Ciência Política; Metodologia; Epistemologia

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista Política Hoje - ISSN: 0104-7094

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

I S S N   0 1 0 4  –  7 0 9 4