Mensuração de preferências políticas: análise de manifestos partidários

Gabriela da Silva Tarouco, Soraia Marcelino Vieira, Rafael Machado Madeira

Resumo


A análise de conteúdo é um método para mensurar preferências políticas em geral e de partidos políticos em particular. A técnica permite quantificar e ordenar preferências através da proporção de texto dedicada a cada tema nos documentos programáticos. Na sua versão manual, a análise de conteúdo apresenta várias potencialidades e várias limitações, vivenciadas pelos pesquisadores que a aplicam e apontadas pelos seus críticos. A análise de conteúdo produz uma medida, que pode ser mobilizada como variável em pesquisas de diversas naturezas. Com uma razoável tradição na Europa, o estudo de ênfases programáticas através da análise de conteúdo de manifestos partidários é ainda incipiente no Brasil, o que abre uma vasta agenda de pesquisa, especialmente no que se refere à elaboração de categorias e escalas próprias à realidade brasileira.

Palavras-chave


análise de conteúdo; manifestos; partidos políticos

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista Política Hoje - ISSN: 0104-7094

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

I S S N   0 1 0 4  –  7 0 9 4