Acordo nuclear civil entre Índia e Estados Unidos: trajetórias domésticas da negociação

Sandra Aparecida Cardozo

Resumo


 

O Acordo Nuclear Civil entre Estados Unidos e Índia anunciado, em 2005, por chefes de Estado e Governo, com o compromisso de atender completa cooperação na área de energia nuclear e comércio, foi implementado após aprovações legislativas em 2008. Estabeleceu-se inicialmente que o Congresso norte-americano ajustaria suas leis para efetivar o acordo e a Índia separaria seus programas militar e civil. Dentro de uma recente parceria estratégica indo-americana, o acordo se destaca pela condição da Índia ser um estado com capacidade nuclear e não signatário do Tratado de Não Proliferação Nuclear. O texto analisa o processo e as votações no Congresso norte-americano e Parlamento indiano, visto que a Índia apresentava fortes oposições internas e os Estados Unidos tiveram que alterar legislações.

Palavras-chave


Índia; Estados Unidos; Acordo Nuclear Civil; Trajetórias Domésticas

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista Política Hoje - ISSN: 0104-7094

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

I S S N   0 1 0 4  –  7 0 9 4