Deliberação e Democracia: em busca de uma normatividade possível

Daniel de Mendonça

Resumo


O presente texto tem por objetivo apresentar e discutir o modelo político-normativo pós-estruturalista de Aletta Norval. Parte-se do pressuposto de que a tradição pós-estruturalista apresenta importantes ferramentas para se pensar o incremento da qualidade da democracia, para além da sua versão elitista representativa. Busca-se pensar, ao mesmo tempo, a radicalização da participação popular, por meio da ampliação de espaços públicos de discussão e de deliberação, partindo-se da premissa de que toda e qualquer normatividade política deve partir de experiências participativas reais bem sucedidas que possam servir de exemplos para desafios concretos de participação política em contextos democráticos.


Palavras-chave


democracia deliberativa; pós-estruturalismo; teoria do discurso; qualidade da democracia

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista Política Hoje - ISSN: 0104-7094

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

I S S N   0 1 0 4  –  7 0 9 4