Influência de Variáveis Ambientais na Comunidade Fitoplanctônica nos Reservatórios Receptores do Projeto de Integração do Rio São Francisco (The Influence of Environmental Variables on Phytoplankton Community of the Receptors Reservoirs by the São...)

Gustavo Melo, Manuela Morais, Maria do Carmo Sobral, Günter Gunkel, Renata Carvalho

Resumo


O objetivo do presente trabalho é avaliar as características físico-químicas e microbiológicas dos reservatórios da região do semiárido brasileiro, receptores de água do Projeto de Integração do rio São Francisco, identificando a influência de variáveis ambientais na comunidade fitoplanctônica. Foram estudados os reservatórios de Itaparica, Poço da Cruz, Boqueirão, Armando Ribeiro Gonçalves e Castanhão. Para alcançar o objetivo proposto, foram feitas análises estatísticas multivariadas com auxílio dos programas Primer e SPSS. Verificou-se que os reservatórios se diferenciam em dois grupos (Eixo Leste e Eixo Norte), observando-se a existência de uma variação temporal. As variáveis ambientais explicaram 78% da variação do fitoplâncton. Destes 22% são explicados por variáveis tipológicas (naturais) e 56% são explicados por variáveis de pressão (efeito antropogênico). Espera-se que a transferência de água possa contribuir para melhoria da qualidade da água, sendo fundamental a implementação de medidas que promovam uma gestão integrada e sustentável das respectivas bacias hidrográficas.

Palavras-chave: variáveis ambientais, fitoplâncton, reservatórios, semiárido


The Influence of Environmental Variables on Phytoplankton Community of the Receptors Reservoirs by the São Francisco River Integration Project


ABSTRACT

This study aims to evaluate the physico-chemical and microbiological characteristics of brazilian northeast reservoirs, from the São Francisco river Integration Project, to identify the influence of environmental variables on the phytoplankton community. There were studied the reservoirs of Itaparica, Poço da Cruz, Boqueirão, Armando Ribeiro Gonçalves and Castanhão. To achieve the proposed aim, multivariate statistical analyses were performed with the Primer and SPSS programs. It was observed that the reservoirs are distinguish in two groups (East and North Axis), observing the existence of a temporal variation. It was verified that the environmental variables explained 78% of the phytoplankton variation. Of these, 22% are explained by typological variables and 56% are explained by pressure variable. It is expected that the transfer of water may improve water quality (especially in reservoirs of the East Axis). It is essential to implement actions to promote an integrated and sustainable management of their watersheds.

Keywords: environmental variables, phytoplankton, reservoirs, semiarid

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v5.6.p1300-1316



      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License