A dinâmica da dádiva no universo religioso do Vale do Amanhecer

Amurabi Oliveira

Resumo


O presente trabalho discute as múltipla dimensões da dádiva vivenciada na prática religiosa do Vale do Amanhecer, movimento místico-esotérico fundado no final dos anos 60 no Distrito Federal por “Tia Neiva”,  destacando da dádiva existente entre os adeptos e as entidades espirituais, bem como entre eles mesmos. Nossa análise busca compreender o sentido social que a dádiva ocupa neste grupo religioso partindo das contribuições tanto de autores que discutem o dom quanto daqueles que pensam a dinâmica simbólica do social, em especial Bourdieu.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 REALIS | Revista de Estudos AntiUtilitaristas e PosColoniais - ISSN: 2179-7501



Creative Commons CC Atribuição Não comercial, sem derivação 4.0.