Visita domiciliar e educação em saúde, promovendo qualidade de vida em pacientes oncológicos

Marina Gomes dos Santos, Patrícia dos Santos Claro Fuly

Resumo


RESUMO

Objetivo: discutir a importância da educação em saúde como ferramenta para melhora da qualidade de vida de pacientes oncológicos. Método: pesquisa participante, com abordagem metodológica do tipo descritiva simples, desenvolvida com 30 pacientes da clínica médica feminina, masculina e hematológica. Os dados foram colhidos através de visita domiciliar e acompanhamento telefônico periódico e submetidos a análise de conteúdo. O projeto de pesquisa foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa, CAAE: 0391.0.258.000-11. Resultados: após a realização das atividades de visita domiciliar, em que foram implementadas ações de educação em saúde, obteve-se: redução de náuseas; melhora do apetite, humor e sono; e melhor disposição para a realização de atividades de vida diária e autocuidado. Conclusão: com base nos resultados alcançados, é possível inferir que as ações desenvolvidas foram pertinentes, uma vez que propiciaram aos participantes uma sobrevida de qualidade por meio da redução do sofrimento e aumento do conforto. Descritores: Enfermagem; Visita Domiciliar; Educação em Saúde; Câncer.

ABSTRACT

Objective: to discuss the importance of health education as a tool for improving the quality of life of oncology patients. Method: participant research with simple descriptive approach, conducted with 30 patients of the female, male and hematology clinic. The data were collected through home visits and periodic telephone follow-up and subjected to content analysis. The research project was approved by the Committee of Ethics in Research, under certificate CAAE: 0391.0.258.000-11. Results: after the completion of the home visits, in which health education actions were implemented, it was possible to observe: reduction of nausea; improved appetite, mood and sleep quality; and enhanced willingness to perform daily life activities and self-care. Conclusion: on the basis of the results achieved, it is possible to infer that the actions performed were appropriate, since they provided quality of survival to the participants through the reduction of suffering and increased comfort. Descriptors: Nursing; Home Visit; Health Education; Cancer.

RESUMEN

Objetivo: discutir la importancia de la educación para la salud como una herramienta para mejorar la calidad de vida de los pacientes oncológicos. Método: investigación participante, con enfoque metodológico descriptivo simple, llevada a cabo con 30 pacientes de la clínica médica femenina, masculina y hematológica. Los datos fueron recogidos mediante visitas domiciliarias y seguimiento telefónico periódico y sometidos a análisis de contenido. El proyecto de investigación fue aprobado por el Comité de Ética en la Investigación, con el certificado CAAE: 0391.0.258.000-11. Resultados: después de llevar a cabo las actividades de visitas domiciliarias, en las que fueron implementadas acciones de educación para la salud, se observó: reducción de náuseas; mejora del apetito, estado de ánimo y calidad del sueño; y mejor disposición para la realización de actividades de la vida diaria y autocuidado. Conclusión: con base en los resultados obtenidos, es posible inferir que las acciones desarrolladas fueron apropiadas, ya que proporcionaron a los participantes una supervivencia de calidad a través de la reducción del sufrimiento y aumento del confort. Descriptores: Enfermería; Visita Domiciliaria; Educación para la Salud; Cáncer.


Palavras-chave


Enfermagem; doenças crônicas; visita domiciliar; promoção da saúde.

Texto completo:

PDF (English) PDF


DOI: https://doi.org/10.5205/1981-8963-v8i4a9759p904-909-2014



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:

 doajPeriódicoscapes

bvs elsevier nlm diadorim periodicaabec

 

cinahl citefactor cuidenplusb socolar ulrichs sumarios