IDÉIAS-EIXO E TAMBÉM AS FORA-DE-EIXO: considerações sobre desenvolvimento territorial

Nilo Américo Rodrigues Lima de Almeida

Resumo


RESUMO

Ao considerar o território brasileiro como uma obra não acabada, este artigo se insere neste debate com a perspectiva do espaço banal, espaço de todos. O território é visto por meio da relação entre população e recursos e sob o tema do desenvolvimento territorial, mobilizando política e cultura, idéias-eixo e as fora-de-eixo. O princípio da conexão geográfica é revisitado como paradigma, pelo modo espacial de existência e pela teoria da formação territorial como mediação geográfica da economia política e da ecologia política. Outra dimensão é a perspectiva política do território, tendo o homem como escala e medida geográfica irredutível. Objetiva-se desnaturalizar perspectivas de desenvolvimento analisando eixos territoriais aplicados no território, vistos nas representações e discursos de organização do espaço. Considera-se o processo epistemológico e ontológico de revalorização do espaço geográfico na teoria social não enquadrada e transformadora.

 

Palavras-chave: ciência geográfica, ser-estar, desenvolvimento territorial, escalas geográficas, espaço multidimensional.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES E BASE DE DADOS

 

DOAJLATINDEX
ROADDRJI
PERIÓDICOS CAPES