AS MUDANÇAS NA INTERVENÇÃO SOCIAL DO CATOLICISMO BRASILEIRO

André Ricardo de Souza

Resumo


A chamada face social do catolicismo brasileiro, como parte da sociedade abrangente, passou por significativas alterações ao longo do século XX. Esse processo se desenvolveu desde as ações orientadas pelo princípio de caridade assistencial, com destaque para o movimento vicentinista, até aquelas de caráter eminentemente político, alicerçadas na ideia de libertação, preponderantes nas Comunidades Eclesiais de Base e pastorais sociais. Neste início de século, a despeito da preservação de algumas iniciativas progressistas e do politizado discurso institucional da Igreja, através da CNBB, há uma espécie de retorno ao passado, em termos de prática de intervenção social em muitas dioceses e paróquias. O presente trabalho, fruto de pesquisa de doutoramento trata desse ciclo de mudanças.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




@ 2012 - PPGS - Revista do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da UFPE.

ISSN Impresso 1415-000X

ISSN Eletrônico 2317-5427