DOS MARXISMOS AOS PÓS-MODERNISMOS: a 'mídia' nas obras de Fredric Jameson e Jean Baudrillard

Maria Eduarda da Mota Rocha

Resumo


Este artigo traça uma análise comparativa da noção de "mídia" nas obras sociológicas de Fredric Jameson e Jean Baudrillard. Consagradas ou nem tanto no campo de estudos da comunicação, as perspectivas de Baudrillard e Jameson são reveladoras não só do estatuto da mídia nas teorias sociais contemporâneas, mas do próprio movimento que desemboca na revisão ou abandono do marxismo ocidental a partir dos anos 70. O primeiro é figura proeminente do pensamento pós-moderno e sua ideia de "simulação" é uma das linhas de força deste pensamento. Já o segundo é hoje, talvez, o principal crítico marxista da cultura nas suas tentativas de análise do pós-modernismo a partir dos processos políticos e econômicos que caracterizam o "capitalismo tardio". A partir desta investigação, é possível mostrar a centralidade da "mídia" nas interpretações dos autores acerca das dinâmicas sociais contemporâneas, bem como apontar algumas diferenças cruciais entre as duas abordagens no tocante ao diagnóstico do "pós-modernismo".


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




@ 2012 - PPGS - Revista do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da UFPE.

ISSN Impresso 1415-000X

ISSN Eletrônico 2317-5427