AS MÃOS QUE EMBALAM O BERÇO: um estudo sobre redes informais de apoio à maternidade

Sílvia Portugal

Resumo


Este artigo apresenta as hipóteses centrais e alguns resultados. de uma pesquisa, em fase de conclusão, que parte do conceito de sociedade- providência para discutir o pape) da dadiv~ e das retaçbes unerpessoais úe solidariedade na provisão das necessidades sociais dos indivíduos c das suas famílias, Utilizando contribuições da "teoria das redes" para um domínio específico - as necessidades das famílias em lermos de cuidados às crianças -, procura-se conhecer os <110reS envolvidos e o tipo de assistência que prestam. Sublinhando a importância fundamental das solidariedades femininas, conclui-se pelo papel fulcral do "parentesco restrito" e pela fone matrilinearidade das redes de apoio.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




@ 2012 - PPGS - Revista do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da UFPE.

ISSN Impresso 1415-000X

ISSN Eletrônico 2317-5427