BIBLIOTECA, MUSEU E ARQUIVO FLORESTAN FERNANDES: a gênese intelectual de um sociólogo

Vera Lucia Cóscia

Resumo


A participação na composição do Dossiê Florestan Fernandes, organizado pela UFPE, trouxe a oportunidade de relatar as principais realizações nesses vinte e quatro anos da disponibilização da Coleção Florestan Fernandes.  Assim sendo, escrevemos nossa experiência baseada nos dezesseis anos que atuamos junto à mesma. Abordaremos a organização e peculiaridades da Biblioteca, Arquivo e Mini Museu do referido professor, adquiridos em 1996 pela UFSCar – Universidade Federal de São Carlos, os quais foram alocados junto à sua Biblioteca Comunitária na Sala de Coleções Especiais. Nesse artigo relataremos as várias fases e peculiaridades desse acervo, compreendidas entre a visita da família do sociólogo à UFSCar até sua inauguração, processamento, disponibilização e reconhecimento pela sociedade civil e intelectual brasileiras. A estrutura desse artigo responderá a alguns questionamentos, como e o porquê desse acervo encontrar-se em São Carlos, tendo sido Florestan Fernandes professor da USP e residente em São Paulo e outras curiosidades sobre a coleção.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




@ 2012 - PPGS - Revista do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da UFPE.

ISSN Impresso 1415-000X

ISSN Eletrônico 2317-5427