ANÁLISE DE DESEMPENHO ECONÔMICO E SOCIAL: ESTUDO DO BALANÇO SOCIAL DE EMPRESAS BRASILEIRAS

Marcos Antonio Souza, Rochele Medeiros Pimentel

Resumo


O objetivo do artigo é analisar o desempenho da gestão sustentável de empresas brasileiras, refletido no Balanço Social. Trata-se de uma pesquisa aplicada e documental, abordando o problema de forma quantitativa e qualitativa. Dez empresas de diferentes setores econômicos foram selecionadas, cujos dados referentes ao período 2008-2010 coletados das demonstrações contábeis. Os principais resultados indicam que as empresas ainda estão no início de ações sustentáveis, visto que às ações socioambientais são direcionadas basicamente ao cumprimento das obrigações legais. Quanto à distribuição do total do valor adicionado no triênio, o maior beneficiário, de modo geral, foi o governo (52,5%), seguido pelos colaboradores (14,9%). O Bradesco foi a empresa que apresentou distribuição mais balanceada do valor adicionado (R$55,3 bilhões): 29,1% (governo) e 31% (colaboradores). Além disso, destinou R$32,9 bilhões a investimentos socioambientais: 81,2% compulsórios e 18,8% voluntários. a Sabesp vem na sequência, com distribuição (15,2 bilhões) de 30% (governo) e (28,9%) colaboradores.

Palavras-chave


desenvolvimento sustentável; balanço social. gestão sócio-ambiental.

Texto completo:

Artigo PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Apoio institucional:
Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis (PPGCC)
Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
Avenida dos Economistas, s/n - Cidade Universitária
CEP 50670-901 - Recife - Pernambuco - Brasil
Tel/fax. 55-(81) 21268874

 

Indexadores

 

BASE Logo