Divulgação voluntária e qualidade da informação contábil: Estudo com empresas do segmento BOVESPA Mais

Josilene da Silva Barbosa, Angélica Ortega Dalava, Carlos Eduardo de Oliveira, Erika Monteiro de Souza e Savi

Resumo


O objetivo do presente estudo consistiu em verificar se existe relação entre qualidade da informação contábil e o nível de divulgação voluntária das empresas listadas no segmento Bovespa Mais. Para tanto utilizou-se da técnica de analise de conteúdo, cuja coleta de dados se deu por meio de informações e Demonstrações Contábeis disponíveis no site da BM&FBOVESPA e site de cada empresa. A análise dos dados foi realizada por meio de estatística descritiva, com o auxílio do SPSS 20.0 utilizou-se também a Métrica de Distância Euclidiana e teste não-paramétrico coeficiente de correlação de Kendall. Os achados do estudo demonstram que nenhuma empresa atendeu por completo os itens das métricas de divulgação voluntária (MDV) e qualidade da informação contábil (MQIC). Isto é, nenhuma companhia atingiu o posto de cenário ideal. Além disso, os resultados sugerem que pode haver uma baixa relação positiva e significativa entre qualidade da informação contábil e divulgação voluntária.

Palavras-chave


Evidenciação. Evidenciação voluntária. Qualidade da informação contábil.

Texto completo:

Artigo

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Apoio institucional:
Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis (PPGCC)
Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
Avenida dos Economistas, s/n - Cidade Universitária
CEP 50670-901 - Recife - Pernambuco - Brasil
Tel/fax. 55-(81) 21268874

 

Indexadores

 

BASE Logo