Atendimento às Normas na Reavaliação de Ativos Imobilizados e nos Pareceres Emitidos por Auditoria Independente

Ildefonso Assing, Renato Vieira Avila, Luiz Alberton

Resumo


Investiga-se o atendimento às normas na reavaliação de ativos imobilizados e nos pareceres emitidos por auditoria independente. A amostra foi extraída das empresas listadas na Bovespa. O estudo utilizou a análise de conteúdo, sendo que ela teve caráter descritivo, em que os dados pesquisados e sistematizados foram analisados na perspectiva qualitativa. Verificou-se nos demonstrativos contábeis se elas cumpriram as normas, depois se pesquisou os pareceres dos auditores independentes. Nessa busca, verificou-se se os auditores estão observando as normas estabelecidas pelos órgãos reguladores para a emissão dos pareceres. Constatou-se que das 231 empresas listadas, 118 reavaliaram seus ativos (51%). A norma da periodicidade determina que a reavaliação deve ser refeita, no mínimo, de 4 em 4 anos a partir do momento em que a empresa opta por realizar a primeira evidenciação da reavaliação. Tem-se que apenas uma empresa cumpriu todas as normas estudadas, logo, apenas esta empresa poderia ter recebido o parecer de auditoria sem ressalva.

Palavras-chave


Normas, Reavaliação de Ativos Imobilizados, Auditoria

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Apoio institucional:
Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis (PPGCC)
Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
Avenida dos Economistas, s/n - Cidade Universitária
CEP 50670-901 - Recife - Pernambuco - Brasil
Tel/fax. 55-(81) 21268874

 

Indexadores

 

BASE Logo