ANÁLISE DA SENSIBILIDADE DO RESULTADO CONTÁBIL ÀS VARIAÇÕES DO ATIVO PERMANENTE OCASIONADAS PELA LEI N° 11.638/07

Hugo Costa Macêdo, Edilson Paulo, Vinicius Gomes Martins, Jorge Katsumi Niyama

Resumo


O objetivo desta pesquisa é evidenciar a sensibilidade das demonstrações contábeis com relação às mudanças de critérios de mensuração do ativo “permanente”, decorrentes da Lei 11.638/07. A pesquisa utilizou-se do teste não paramétrico de Wilcoxon e para analisar a sensibilidade das variações no lucro às variações no ativo permanente fez-se o uso da regressão cúbica. Dentre os resultados encontrados, pode-se destacar que apenas as variações ocorridas no ativo permanente foram estatisticamente significativas.

Palavras-chave


Comparabilidade; Normas Brasileiras de Contabilidade; IFRS; Convergência Internacional; Diferenciação do Disclossure.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Apoio institucional:
Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis (PPGCC)
Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
Avenida dos Economistas, s/n - Cidade Universitária
CEP 50670-901 - Recife - Pernambuco - Brasil
Tel/fax. 55-(81) 21268874

 

Indexadores

 

BASE Logo