Leitura Discursiva na Aula de Língua Estrangeira: Relato de uma Experiência

Cesar Roberto Campos Peixoto

Resumo


Resumo: O objetivo deste artigo é apresentar um relato de uma experiência que tive, enquanto professor de língua estrangeira, com uma turma de alunos numa das escolas de idiomas onde eu trabalhava (Campinas, SP), em relação à concepção de linguagem, texto e leitura que era posta em prática por eles, consciente ou inconscientemente, ao estarem diante, por exemplo, de uma definição apresentada em um dicionário. O material analisado é uma transcrição de uma gravação em áudio, de uma das primeiras aulas que ministrei à turma (1º semestre de 2008). A fundamentação teórica é feita com base na perspectiva discursiva de linguagem.

Palavras-chave: linguagem, leitura discursiva, língua estrangeira.

 

Abstract: The objective of this article is to present an account of an experience I had as a foreign language teacher with a group of students in one of the language schools where I worked (Campinas, SP), regarding the conception of language, text, and reading which was put into practice by the students when they were before a definition presented in a dictionary, for example. The material (linguistic fact) analyzed is an audio recording transcription of one of the first lessons that I taught them (1st semester – 2008). My arguments are based upon the discursive perspective of language.

Key-words: language; discursive reading; foreign language.


Texto completo:

PDF

Referências


BAKHTIN, Mikhail. Marxismo e filosofia da linguagem. Tradução Michel Lahud & Yara Frateschi Vieira. 12. ed. São Paulo: Hucitec, 2006. 203p.

BOLOGNINI, Carmen Z. Efeito da metáfora e da metonímia no gesto de interpretação: quem é o rei no “rei leão”? IN: BOLOGNINI, Carmen Z. (org). Discurso e ensino: o cinema na escola. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2007. 44p.

CARDOSO, Silvia H. B. Discurso e ensino. 2. ed. Belo Horizonte: Autêntica/FALEUFMG, 2005. 168p.

CORACINI, Maria J. R. F. Concepções de leitura na (pós-) modernidade. IN: CARVALHO, Regina Célia de C. L. (org). Leitura: múltiplos olhares. Campinas, SP: Mercado de Letras; São João da Boa Vista, SP: Unifoeb, 2005. 272p.

KOCH, Ingedore V; ELIAS, Vanda M. Ler e compreender: os sentidos do texto. São Paulo: Contexto, 2006. 216p.

OGIBA, Sonia M. M. A produção do conhecimento didático e o pós-estruturalismo: potencialidades analíticas. IN: VEIGA-NETO, Alfredo J. (org). Crítica pósestruturalista e educação. Porto Alegre: Sulina, 1995. 260p.

ORLANDI, ENI P. Discurso e leitura. 5. ed. Campinas, SP: Pontes, 2000. 100p.

______. Interpretação: autoria, leitura e efeitos do trabalho simbólico. 5.ed. Campinas, SP: Pontes, 2007a.

______. As formas do silêncio: no movimento dos sentidos. 6. ed. Campinas, SP: Unicamp, 2007b. 192p.

PÊCHEUX, Michel. Semântica e discurso: uma crítica à afirmação do óbvio. Tradução Eni Pulcinelli Orlandi et al. Campinas: Editora da Unicamp, 1988. 317p.




DOI: https://doi.org/10.19134/eutomia-v1i03p%25p

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




 

Qualis (CAPES): B1-LETRAS / LINGUÍSTICA; B1-EDUCAÇÃO; B1-FILOSOFIA/TEOLOGIA:subcomissão FILOSOFIA; B1-INTERDISCIPLINAR; B3-CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS; B3-HISTÓRIA; B3-PSICOLOGIA; B5-EDUCAÇÃO FÍSICA; B5-ODONTOLOGIA; B5-SERVIÇO SOCIAL; C-ARTES / MÚSICA

Diretórios:


Indexadores:

 

Directory of Open Access Journals


Associação de revistas acadêmicas latinoamericanas de humanidades e ciências sociais

Institucional