As Traduções Brasileiras do Prefácio de Oscar Wilde

Eliane Pereira de Sousa Leal, Germana Henriques Pereira de Sousa

Resumo


Resumo: O foco do presente trabalho é analisar e comparar quatro traduções brasileiras do prefácio do romance The Picture of Dorian Gray de Oscar Wilde. As traduções analisadas são a de João do Rio, Oscar Mendes, José Eduardo Ribeiro Moretzsohn e Lígia Junqueira. O prefácio de Wilde consiste em aforismos que surgiram como resposta à crítica do romance e à sociedade do século XIX. As traduções brasileiras deste prefácio, apesar de serem bastante próximas do original em inglês, apresentam peculiaridades que merecem ser discutidas. Assim, este trabalho irá analisar as traduções citadas e compará-las sob o ponto de vista dos estudos de tradução.

Palavras-chave: Oscar Wilde, prefácio, tradução literária.

 


Abstract: The focus of the present study is to analyze and compare four Brazilian translations of the preface to the novel The Picture of Dorian Gray written by Oscar Wilde. The analyzed translations were written by João do Rio, Oscar Mendes, José Eduardo Ribeiro Moretzsohn and Lígia Junqueira. Wilde’s preface consists in aphorisms written as an answer to the novel criticism and to the nineteenth century society. The Brazilian translations of this preface, in spite of being very similar to the original, present characteristics worthy of discussion. Thus, this study will analyze the mentioned translations and compare them to each other from a translation studies point of view.

Keywords: Oscar Wilde, preface, literary translation.

 


Texto completo:

PDF

Referências


ELLMANN, Richard. Oscar Wilde. Tradução de José Antonio Arantes. São Paulo: Companhia das Letras, 1988.

FARIA, Gentil Luiz de. A presença de Oscar Wilde na Belle Époque literária brasileira. São Paulo: Pannartz, 1988.

GENETTE, Gérard. Paratextos Editoriais. Tradução de Álvaro Faleiros. São Paulo: Ateliê Editorial, 2009.

GENTZLER, Edwin. Teorias Contemporâneas da Tradução. Tradução de Marcos Malvezzi. São Paulo: Madras, 2009.

TORRES, Marie-Hélène Catherine. Traduzir o Brasil literário: Paratexto e discurso de acompanhamento. Tradução de Marlova Aseff; Eleonora Castelli. Santa Catarina: Copiart, 2011.

TOURY, Gideon. "A Handful of Paragraphs on 'Translation' and 'Norms'"

In: Christina Schäffner, ed. Translation and Norms. Clevedon etc.:

Multilingual Matters, 1998. 10-32. [also available as Vol 5, Nos 1&2 of

Current Issues in Language & Society. Disponível em: http://www.tau.ac.il/~toury/works/GT-Handful_Norms.htm. Acessado em: 10/05/2012.

____________ "The Nature and Role of Norms in Translation". In idem,

Descriptive Translation Studies and Beyond. Amsterdam-Philadelphia:

John Benjamins, 1995, 53-69. Disponível em: http://www.tau.ac.il/~toury/works/GT-Role-Norms.htm. Acessado em: 10/05/2012.

WILDE, Oscar. O Retrato de Dorian Gray. Tradução de João do Rio. Rio de Janeiro: Livraria Garnier, 1923.

_____________ O Retrato de Dorian Gray. Tradução de Oscar Mendes. São Paulo: Abril Cultural, 1980.

_____________ O Retrato de Dorian Gray. Tradução de José Eduardo Ribeiro Moretzsohn. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1985.

_____________ O Retrato de Dorian Gray. Tradução de Lígia Junqueira. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2011.

_____________ “The Picture of Dorian Gray”. In: Plays, prose, writings and poems. Everyman’s Library




DOI: https://doi.org/10.19134/eutomia-v1i10p466-480

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




 

Qualis (CAPES): B1-LETRAS / LINGUÍSTICA; B1-EDUCAÇÃO; B1-FILOSOFIA/TEOLOGIA:subcomissão FILOSOFIA; B1-INTERDISCIPLINAR; B3-CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS; B3-HISTÓRIA; B3-PSICOLOGIA; B5-EDUCAÇÃO FÍSICA; B5-ODONTOLOGIA; B5-SERVIÇO SOCIAL; C-ARTES / MÚSICA

Diretórios:


Indexadores:

 

Directory of Open Access Journals


Associação de revistas acadêmicas latinoamericanas de humanidades e ciências sociais

Institucional