Os imaginários sócio-discursivos sobre o homem do campo difundidos pelos quadrinhos de Chico Bento

Mariana Ramalho Procópio

Resumo


Por meio de uma análise do discurso das histórias em quadrinhos do personagem ChicoBento, de Maurício de Sousa, buscou-se identificar os imaginários sócio-discursivosreferente ao homem do campo brasileiro. Por meio das análises, com base nos estudosde Patrick Charaudeau, podemos identificar imaginários sócio-discursivos referentesa um homem do campo ordeiro, trabalhador e responsável. Este homem fundamentasuas crenças nas doutrinas religiosas e na sua própria experiência, evidenciando assimuma forte presença de valores como a intuição e a sensibilidade, oposta à racionalidadeapresentada pelos personagens urbanos.

Texto completo:

PDF

Referências


AMOSSY, R.; HERSCHBERG-PIERROT, A. 2005. Stéréotypes et Clichés: langue, discours,societé. Paris: Armand Colin.

CHARAUDEAU, P. 2006. Discurso Político. São Paulo: Contexto.

______. 2007. Les stéréotypes, c’est bien, les imaginaires, c’est mieux. In:

BOYER, Henri (Org). Stéréotypage, stéréotypes: fonctiontionnements ordinaires et mises en scène. Paris: L’Harmattan, pp.49-63.

PROCÓPIO, M. R. 2008. O ethos do homem do campo nos quadrinhos de Chico Bento. Belo Horizonte: FALE/UFMG. Dissertação de Mestrado.

SOUSA, M. 2007. Portal Turma da Mônica. Disponível em:

com.br> Acesso em: 06 jun. 2007.

VERGUEIRO, W. 1998. Alguns aspectos da sociedade e da cultura brasileiras nas histórias em quadrinhos. Revista Agaquê, São Paulo, v.1, n.1. Disponível em:

Acesso em: 03 jul. 2006.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista Investigações - Linguística e Teoria Literária. Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Federal de Pernambuco.

ISSN Edição Digital 2175-294X - ISSN Edições Impressas 0104-1320

www.ufpe.br/pgletras - www.pgletras.com.br 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.