Gênero de discurso artigo de divulgação científica midiática para crianças:estratégias retóricas e estrutura composicional

Maria Eduarda Giering

Resumo


Este estudo trata da relação entre os diferentes fins discursivos de artigos de divulgação científica midiática (DC) e suas distintas organizações retóricas, conforme a Rhetorical Structure Theory. Observou-se que a escolha de certa relação retórica entre macrossegmentos do texto acarreta igualmente a presença de determinada(s) seqüência(s) prototípica(s).Com base em Adam (1999), discutem-se princípios internos(ascendentes) e externos (descendentes) que estão em jogo na organização composicional de artigos de divulgação científica midiática.O conhecimento desses princípios de organização dos artigos DC oferece subsídios para o ensino da produção e da compreensão desse gênero de discurso.

Texto completo:

PDF

Referências


ADAM, Jean-Michel. 2000. Types de textes ou genres de discourse?Comment classer les textes qui disent de et commet faire? Langages, 141:10-27.

______. 1999. Linguistique textuelle. Des genres de discours aux textes. Paris: Nathan.

______. 1994. Le texte narrative. Paris: Nathan.

______. 1992. Les textes: types et prototypes. Paris: Nathan.

BATEMAN, John A. 2001. Between the leaves of rhetorical strucuture: static and dynamic aspects of discourse organization. Verbum. Nancy: Université de Nancy, (23)1:31-58.

BERNÁRDEZ, E. 1995. Teoría y epistemología del texto. Madrid: Cátedra.

______. 1989. Las macroestructuras textuales como objeto del estudio linguístico. Actas de las I Jornadas e lengua y Literatura Inglesa y Norteamericana. Logroño: Colegio Universitário, p. 107-119.

BONINI, Adair. 2005. A noção de seqüência textual na análise pragmático-textual de Jean-Michel Adam. In: MEURER, J. L.; BONINI, A.; MOTTA-ROTH, D. (orgs.). Gêneros: teorias, métodos, debates. São Paulo: Parábola, p. 208-236.

ERBOLATO, M. 2006.Técnicas de codificação em jornalismo: redação captação e edição no jornal diário. São Paulo: Ática.

FELTRIM, V. D.; ALUÍSIO, S. M.; NUNES, M. G. V. 2000. Uma revisão bibliográfica sobre a estruturação de textos científicos em português. São Carlos: NILC-ICMSC-USP.

GIERING, M. E. 2008. A divulgação científica midiática para crianças e os fins discursivos. Revista do Gel, São Paulo, 5(1). (no prelo)

______. 2007a. Configuração prototípica de artigos de divulgação científica e o texto como sistema aberto. Anais do IV Simpósio Internacional de Estudos de Gêneros Textuais. Tubarão: UNISUL, p. 1-13.

______. 2007b. Organização retórica do artigo de opinião autoral: configuração prototípica. Círculo de Lingüística Aplicada a la Comunicación (Clac). Madrid: Universidade Complutense de Madrid, n.

:3-21.

HASAN, R. 1989. Part B. In: HALLIDAY, M. A. K.; HASAN, R. Language, Context and Text: Aspects of Language in a Social-semiotic Perspective. Oxford: OUP, p. 52-118.

MANN, W. C. 2000. Pretty open questions (POQs) about RST. Disponível em Acesso em: 30 set. 2008.

______.; THOMPSON, S. A. 1988. Rhetorical Structure Theory: toward a functional theory of text organization. Text 8 (3):243-281.

______.; MATTHIESSEN, C. M. I. M.; THOMPSON, S. A. 1992.

Rhetorical Structure Theory and Text Analysis. In: MANN, W. C.; THOMPSON, S. A. Discourse description: diverse linguistic analyses of a fund-raising text. Amsterdam: John Benjamins, p. 39-77.

MARCUSCHI, L. A. 2008. Produção textual, análise de gêneros e compreensão. Rio de Janeiro: Parábola.

MASSARANI, L.; MOREIRA, I. C. 2005. A retórica e a ciência. Dos artigos originais à divulgação científica. Multiciência. Revista Interdisciplinar dos Centros e Núcleos da UNICAMP. Disponível em Acesso em: 04 out. 2006.

MATTOS, R. M. 2006. Um velho novo lagarto. Ciência Hoje das crianças on-line. Disponível em

Acesso em 25 fev.2008.

MEWS, C.M.; SZINWELSKI, N. 2008. Por que alguns insetos cantam? Ciência Hoje das crianças on-line. Disponível em Acesso em: 18 abril 2008.

MILLER, C. R. 1994. Genre as Social Action. In: FREEDMAN, A.; MEDWAY, P. (orgs.). Genre and the New Rethoric. London: Taylor &

Francis, p. 23-42.

MOTTA-ROTH, D. 2002. A construção social do gênero resenha acadêmica. In: MEURER, J. L.; MOTTA-ROTH, D. (orgs.). Gêneros

textuais e práticas discursivas. Bauru: EDUSC, p. 77-116.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista Investigações - Linguística e Teoria Literária. Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Federal de Pernambuco.

ISSN Edição Digital 2175-294X - ISSN Edições Impressas 0104-1320

www.ufpe.br/pgletras - www.pgletras.com.br 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.