A ausência como existência em Aquarius: diálogos entre o cinema e a Antropologia Literária

Luís Henrique Marques Ribeiro, Luiz Antonio Mousinho

Resumo


O artigo discute sobre as relações articuladas entre a narrativa ficcional e os sentidos de identidade e exploração econômica no espaço urbano em Aquarius (Kleber Mendonça Filho, 2016), observando a uso de retratos no filme. Para isso, fundamenta-se no conceito iseriano de looping recorrente como forma de perceber as revisitações que a narrativa dará ao espaço, a partir da relação entre obra e expectador (leitor).

Texto completo:

PDF

Referências


AUMONT, Jacques et al. A estética do filme. 9ª ed. Trad. Marina Appenzeller. São Paulo: Papirus, 2012.

AVELLAR, José Carlos. O chão da palavra. Rio de janeiro: Rocco, 2007.

BERGER, Peter L.; LUCKMANN, Thomas. Modernidade, pluralismo e crise de sentido; a orientação do homem moderno. Petrópolis: Vozes, 2004. 94 p.

CARVALHO, Maria Elvira Malaquias de. Os pontos cegos da teoria de Wolfgang Iser. Revista Investigações, UFPE, Recife, Pernambuco, p. 1 - 16, 18 jan. 2013.

GOMES, Renato Cordeiro; SICILIANO, Tatiana Oliveira. Rastros e imagens sobreviventes na era de Aquarius: corrosão e gentrificação na metrópole de Kléber Mendonça Filho. E-COMPÓS (BRASÍLIA), v.21, 2018.

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. Tradução Tomaz Tadeu da Silva e Guacira Lopes Louro. 12. ed. Rio de Janeiro: Lamparina, 2015.

ISER, Wolfgang. O ato da leitura: uma teoria do efeito estético. Trad. De Johannes Kretschmer. São Paulo: Editora 34, 1996.

JAUSS, Hans Robert. A história da literatura como provocação à teoria literária. Trad. Sérgio Tellaroli. São Paulo: Ática, 1994.

MACHADO JR., Rubens Luis Ribeiro. São Paulo em movimento: a representação cinematográfica da metrópole nos anos 20. 1989. 159f. Dissertação (Mestrado em Cinema, Rádio e Televisão) – Universidade de São Paulo, Escola de Comunicação e Artes, São Paulo, 1989.

PRYSTHON, Angela. Paisagens em desaparição. Cinema em Pernambuco e a relação com o espaço. E-COMPÓS (BRASÍLIA), v. 20, p. 1-17, 2017.

ROCHA, João Cezar de Castro. Teoria da ficção. Indagações à obra de Wolfgang Iser. Rio de Janeiro: EdUERJ, 1999.

SANTOS, Carmen Sevilla Gonçalves dos. Teoria do Efeito Estético e Teoria Histórico-Cultural: o leitor como interface. Recife: Bagaço, 2009.

______. Estética da Recepção e do Efeito ou Há um leitor no horizonte. In: João Sedycias. (Org.). Repensando a Teoria Literária Contemporânea. Recife: Editora da UFPE, 2015, p. 321-364.






Revista Investigações - Linguística e Teoria Literária. Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Federal de Pernambuco.

ISSN Edição Digital 2175-294X - ISSN Edições Impressas 0104-1320

www.ufpe.br/pgletras - www.pgletras.com.br 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.