A promessa de Bernardo Santareno: um diálogo com o ser católico português

Fernanda Verdasca Botton

Resumo


Dialogando com elementos da tradição católica e do teatro trágico grego, Bernardo Santareno escreve o texto de A Promessa. Este artigo tem como objetivo compreender este diálogo com o sagrado verificando como o discurso criado pelo dramaturgo se constitui uma paródia a criticar o comportamento religioso do povo português.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista Investigações - Linguística e Teoria Literária. Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Federal de Pernambuco.

ISSN Edição Digital 2175-294X - ISSN Edições Impressas 0104-1320

www.ufpe.br/pgletras - www.pgletras.com.br

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.