O ENSINO DA GEOGRAFIA NOS ANOS INICIAIS: APROXIMAÇÕES NECESSÁRIAS COM A INFÂNCIA

Ana Paula Rudolf, Rosa Elisabete Militz Wypyczynski Martins

Resumo


Esse trabalho propõe uma reflexão a respeito do ensino da Geografia nos anos iniciais, sobretudo com um olhar para os aspectos da infância, suas particularidades, necessidades e direitos. A partir do mapeamento de algumas das políticas públicas (LDB, DCNEB, BNCC) e de discussões da área: Leite, (2012); Hess (2012); Costa (2016); Seferian (2018); Bonfim (2015); Rosa (2008), Martins (2010); Camacho (2015); Lopes (2008);Valladares (2015); Silva (2013), apresentamos as potencialidades do ensino da Geografia por meio de práticas que aproximem as crianças dos conteúdos vividos em seu cotidiano, para que elas compreendam que a Geografia está a sua volta, na sua casa, escola, bairro, cidade. Nossa contribuição aqui tecida é no sentido de permitir que o ensino de Geografia seja compreendido (e vivido pelas crianças), como um campo que possibilita o conhecimento de mundo e de sua compreensão cotidiana, atribuindo à Geografia um significado social, e um caráter significativo no contexto do currículo da escola básica.


Palavras-chave


Ensino de Geografia; Infância

Texto completo:

PDF

Referências


BARBOSA, Mara Silvia Paes. A implementação do 1º ano no ensino fundamental de nove anos: estudo de uma experiência. Dissertação, 2009. Universidade Católica Dom Bosco, Campo Grande/MS. Disponível em https://site.ucdb.br/public/md-dissertacoes/8071-a-implementacao-do-1-ano-no-ensino-fundamental-de-nove-anos-estudo-de-uma-experiencia.pdf. Acessado em 22 de novembro de 2019.

BOGDAN, R.; BIKLEN, S. Investigação qualitativa em educação: uma introdução à teoria e métodos. Porto: Porto, 1994.

BONFIM, Márcia Virgínia Pinto. A Geografia nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental: Entre a realidade e as possibilidades. TESE. Programa de Pós-Graduação em Geografia do Instituto de Estudos Socioambientais da Universidade Federal de Goiás (UFG), 2015.

BRASIL. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CONSELHO PLENO. RESOLUÇÃO Nº 2, DE 1º DE JULHO DE 2015.

______. LEI Nº 11.274, DE 6 DE FEVEREIRO DE 2006. Altera a redação dos arts. 29, 30, 32 e 87 da Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, dispondo sobre a duração de 9 (nove) anos para o ensino fundamental, com matrícula obrigatória a partir dos 6 (seis) anos de idade.

_______. RESOLUÇÃO Nº 7, DE 14 DE DEZEMBRODE 2010. Fixa Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Fundamental de 9 (nove) anos.

______/MEC/CNE. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, 2017.

______. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil: promulgada e publicada em 5 de outubro de 1988. São Paulo: imprensa Oficial, 2001.

______. Lei nº. 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 23 dez. 1996.

______. MEC/SEB. O ensino fundamental de nove anos: orientações gerais. Brasília: MEC/SEB, 2004.

______. Ensino fundamental de nove anos: orientações para a inclusão da criança de seis anos de idade. 2ª ed. Brasília: FNDE, Estação Gráfica, 2007.

______. Ensino fundamental de nove anos: passo a passo do processo de implantação. 2ª. ed. Brasília: Ministério da Educação, set. 2009a.

______. Francisca Izabel Pereira Maciel, Mônica Correia Baptista e Sara Mourão Monteiro (orgs.). A criança de 6 anos, a linguagem escrita e o ensino fundamental de nove anos: orientações para o trabalho com a linguagem escrita em turmas de crianças de seis anos de idade. Belo Horizonte: UFMG/FaE/CEALE, 2009b.

CALLAI, Helena Copetti. Estudar o lugar para compreender o mundo. In: CASTROGIOVANNI, A. C. (Org.). Ensino de geografia: práticas e textualizações no cotidiano. Porto Alegre: Mediação, p. 72-112, 2000.

CALLAI, Helena Copetti. Aprendendo a ler o mundo: a geografia nos anos iniciais do ensino fundamental. Cad. Cedes, Campinas, vol. 25, n. 66, p. 227-247, maio/ago. 2005. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ccedes/v25n66/a06v2566.pdf. Acesso em 12/01/2020.

CAMACHO, Rodrigo Simão. O ensino de geografia nos anos iniciais do ensino fundamental: um caminho para compreender a realidade em que se vive. Revista Ensino Geografia, Uberlândia, v. 2, n. 3, p. 3-35, jul./dez. 2011. Disponível em: http://www.revistaensinogeografia.ig.ufu.br/N.3/Art%201%20REG%20v2n3%20CAMACHO.pdf . Acessado em: 12/01/2020.

CORAZZA, Sandra Mara. O que quer um currículo? Rio de Janeiro: Vozes, 2001.

CAVALCANTI, Lana de Souza. A geografia e a realidade escolar contemporânea: avanços, caminhos, alternativas. Anais do l Seminário nacional: Currículo em Movimento – Perspectivas Atuais Belo Horizonte, novembro de 2010. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/docman/dezembro-2010-pdf/7167-3-3-geografia-realidade-escolar-lana-souza/file. Acessado e: 12/01/2020.

CAVALCANTI, L.de S. O ensino de Geografia na escola. Campinas: Papirus, 2012

CASAGRANDE, Roseli. A criança e as linguagens no primeiro ano do ensino fundamental de 9 anos: um estudo de teses e dissertações. Dissertação de Mestrado em Educação, 2015, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

COSTA, Bruno Muniz Figueiredo. Geografia Escolar: Crianças e Infâncias no primeiro ano do Ensino Fundamental em Juiz de Fora (MG). TESE. Programa de Pós-graduação em Geografia Humana do Departamento de Geografia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas - USP, 2016.

CRESWELL, Jonh W. Projeto de pesquisa. Método qualitativo, quantitativo e misto. Porto Alegre: Artmed, 2010.

FRANGELLA, Rita de Cássia Prazeres. Um Pacto Curricular: O Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa e o desenho de uma Base Comum Nacional. Educação em Revista Belo Horizonte, v.32. n.02. p. 69-89, Abril/junho 2016. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0102-46982016000200069&script=sci_abstract&tlng=pt. Acessado em: 12/01/2020

GATTI, Bernadete Angelina. Grupo focal na pesquisa em Ciências Sociais e Humanas. Brasília: Líber Livro, 2005. (Série Pesquisa em Educação).

GESSER, Verônica; FURTADO, Monica T. C. A política de ampliação do ensino fundamental de nove anos: contextualizações legais e reflexões sobre a infância neste processo. In: FERREIRA, Valéria; GESSER, Verônica. Ensino Fundamental de Nove Anos: Princípios, Pesquisas e Reflexões. Curitiba, PR: CRV, 2013.

HESS, Elisabeth de Souza Machado. Uma proposta metodológica para elaboração de atlas escolares para os anos iniciais do ensino fundamental: o exemplo do município de Sorocaba (SP). Tese. Programa de Pós-graduação em Geografia Humana do Departamento de Geografia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas. USP, 2012.

LESANN, Janine. Geografia no Ensino Fundamental I. Belo Horizonte, MG: Fino Traço: 2011.

LEMES, Robson; LOPES, Claudivan. A presença da geografia na formação do pedagogo. XI Encontro Nacional da ANPEGE, 2015. Disponível em: http://www.enanpege.ggf.br/2015/anais/arquivos/11/351.pdf. Acessado em: 12/01/2020.

PÉREZ, Carmen Lúcia. Leituras cotidianas e espaços praticados: imagens do conhecimento do mundo, uma reflexão teórico-metodológica sobre a função alfabetizadora da geografia nos anos iniciais da educação fundamental. Anais 28ª Reunião ANPED. Caxambu, MG: Outubro/2005. Disponível em: http://37reuniao.anped.org.br/wp-content/uploads/2015/02/Trabalho-GT08-3527.pdf. Acessado em: 12/01/2020.

LOPES, Jader Janer Moreira. Geografia das Crianças, Geografias das Infâncias: as contribuições da Geografia para os estudos das crianças e suas infâncias. Contexto e Educação. Editora UNIJUÍ, ano 23, número 79, jan-jun, 2008. Disponível em: file:///C:/Users/Usuario/Downloads/1052-Texto%20do%20artigo-4334-1-10-20130516%20(1).pdf. Acessado em: 12/01/2020.

______. Geografia da Infância: contribuições aos estudos das crianças e suas infâncias. Revista Educação Pública Cuiabá, v. 22, n. 49/1, p. 283-294, maio/ago. 2013. Disponível em: file:///C:/Users/Usuario/Downloads/915-1910-1-PB%20(2).pdf. Acessado em 12/01/2020.

MARTINS, Rosa Elisabete Militz Wypyczynski. A formação do professor de geografia: aprendendo a ser professor. Geosul, Florianópolis, v. 30, n. 60, p 249-265, jul./dez. 2015. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/geosul/article/view/2177-5230.2015v30n60p249. Acessado em 12/01/2020.

________. Os desafios do processo formativo do professor de Geografia. TESE. Programa de Pós-graduação em Geografia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), 2010. Disponível em: https://lume.ufrgs.br/handle/10183/28474. Acessado em: 12/01/2020.

MORO, Catarina de Souza. Ensino fundamental de 9 anos: o que dizem as professoras do 1.° ano. Educar, Curitiba, n. 34, p. 271, 2009. Editora UFPR.

OLIVEIRA, MARIANA DE. Entre o brincar e o estudar: o dilema da criança no primeiro ano do ensino fundamental. Dissertação, 2011. Universidade Federal de São João Del-Rei.

ROSA, Odelfa. Geografia e Pedagogia: o professor dos Anos Inicias do Ensino Fundamental em Catalão (GO). TESE. Programa de Pós-Graduação em Geografia. Universidade Federal de Uberlândia, 2008.

SEVERIAN, Ana Paula Gomes. A formação inicial dos professores e como esses compreendem os conceitos geográficos: contribuições para o ensino de Geografia nos Anos Iniciais. TESE. Programa de Pós-Graduação em Educação – USP, 2018.

SILVA, Dakir. Práticas Pedagógicas em Geografia. Erechim. RS: Edelbra: 2013.

SILVA, Viviane Aparecida da. Participação e expressão das culturas infantis no primeiro ano do ensino fundamental de nove anos. EDUCERE, 2015/PUC – SP. Disponível em: https://educere.pucpr.br/dados/2017/ensalamento-comunicacoes.html. Acessado em: 12/01/2020.

SILVA, Márcia Agostinho da. “Vai sentar, parece que tem um bicho forgulha no corpo!”: O Lugar Das Crianças No Processo Inicial De Escolarização No Ensino Fundamental. Universidade Federal Da Santa Catarina Centro De Ciências Da Educação Programa De Pós-Graduação Em Educação. Dissertação, Florianópolis, 2010.

VALLADARES, Marisa Terezinha Rosa. Geofilosofando com crianças, como criança... Revista Brasileira de Educação em Geografia. Campinas, v. 5, n. 9, p. 103-121, jan./jun., 2015. Disponível em: file:///C:/Users/Usuario/Downloads/303-Texto%20do%20artigo-1019-1-10-20150901%20(2).pdf. Acessado em: 12/01/2020




DOI: https://doi.org/10.38187/regeo2020.v3n1id244358

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

INDEXADORES E BASE DE DADOS