A LÓGICA FUZZY E A AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DAS ÁREAS ORGANIZACIONAIS: A APLICAÇÃO DE UM MODELO LINGUÍSTICO FUZZY

Charline Barbosa Pires, Fabiana Costa da Silva Silveira

Resumo


O presente estudo busca verificar de que forma pode-se comparar a contribuição de cada uma das
áreas da organização, as quais têm objetivos heterogêneos e que, por essa mesma razão, não
podem ser comparadas entre si de forma direta, para o atingimento dos seus objetivos globais.
Para tanto, aborda a teoria dos conjuntos fuzzy e a sua aplicação no processo de desenvolvimento
de um modelo lingüístico fuzzy utilizado na avaliação de desempenho das áreas organizacionais. O
modelo aqui apresentado foi desenvolvido e aplicado originalmente por Rangone em 1997, que o
utilizou para determinar a eficácia de uma organização através da avaliação de quão bem ela tem
operado em termos de FCS’s, quando comparada a seus competidores. Conclui-se que o modelo,
quando aplicado no âmbito interno de uma empresa, permite determinar a eficácia de cada área
através da avaliação de quanto ela cumpriu os objetivos estabelecidos ao ser comparada às demais
áreas organizacionais.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


..................................................................................................................................................................................................................................................................................