Emergência e Constituição de Redes Interorganizacionais de Pequenas e Médias Empresas: um Estudo de Caso no Contexto Brasileiro

César Tureta, Elcemir Paço-Cunha

Resumo


Este trabalho se propõe a descrever e analisar a emergência de uma rede interorganizacional de pequenas e médias empresas (PME’s), procurando apreender as práticas estratégicas que possibilitaram a constituição e operação desse empreendimento. De um ponto de vista teórico, o estudo fundamentou-se na relação das redes  interorganizacionais e a competitividade de PME’s no contexto contemporâneo. Arranjos híbridos de organização, situados em algum lugar do continuum mercado/hierarquia, promovem o estabelecimento da reciprocidade e da confiança entre atores com objetivos comuns, facilitando a troca de informações e o aprendizado dos participantes da rede. Assim,  configurações em rede  se apresentam como uma alternativa viável de estruturação das PME’s frente à dinâmica do mercado e às próprias limitações das empresas deste porte. Por meio de entrevistas junto a empresários e gestores, tenta-se identificar alguns elementos tais como troca de informação, de conhecimento e de confiança, presentes nesse processo. Sob esta ótica, a presente investigação busca compreender as fases identificadas neste processo, desde a idéia inicial de constituição de uma central de compras, passando por um período de transição e centrando-se na fase em que efetivamente a rede se estrutura no sentido mais amplo deste conceito.  

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


..................................................................................................................................................................................................................................................................................