BALANCED SCORECARD: UM ESTUDO SOBRE SUA APLICAÇÃO NOS TRIBUNAIS DE CONTAS ESTADUAIS - Balanced Scorecard: A Study About The Use In The State Courts of Auditors

Livia Vilar Lemos, Luiz Carlos Miranda, Jeronymo José Libonati, Cláudio de Araújo Wanderley

Resumo


A Reforma Gerencial trouxe para o setor público práticas e sistemas de gestão utilizados, tradicionalmente, nas empresas privadas, com o objetivo de melhorar a qualidade da prestação de serviços à sociedade. Desta forma, o objetivo desta pesquisa foi o de verificar como está sendo utilizado o Balanced Scorecard (BSC) pelos Tribunais de Contas Estaduais brasileiros como metodologia para execução de seus planejamentos estratégicos. O instrumento de coleta de dados foi os planejamentos estratégicos dos Tribunais de Contas; analisaram-se os relatórios das cortes de contas dos seguintes Estados: Ceará (CE), Pernambuco (PE), Pará (PA), Minas Gerais (MG), Rio Grande do Sul (RS) e Santa Catarina (SC). A amostra selecionada é não paramétrica, intencional e foi selecionada a partir do Relatório de Cumprimento de Metas do PROMOEX. Conclui-se que os Tribunais de Contas Estaduais, da amostra estudada, possuem uma estrutura semelhante na utilização do BSC. O desenvolvimento de perspectivas e indicadores ocorreu de forma semelhante, visto que do total dos indicadores desenvolvidos pelos seis tribunais 83% se repetem entre as cortes de contas, com frequências que variam de 33,3% a 100%; bem como se identificou a mesma deficiência em todos os tribunais estudados: a não evidenciação das metas a serem seguidas.


Texto completo:

PDF 500-519

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


..................................................................................................................................................................................................................................................................................