FUNCIONALIDADES, CARACTERÍSTICAS E LIMITAÇÕES DAS PLATAFORMAS DE PARTICIPAÇÃO E COLABORAÇÃO: UMA ANÁLISE COMPARATIVA - Functionalities, Characteristics, And Limitations Of Participation Platforms And Collaboration: A Comparative Analysis

José Antônio Pedro dos Santos, Jorge da Silva Correia Neto, Ellen Souza

Resumo


O aumento na utilização das novas tecnologias da informação e da comunicação pela sociedade e a migração da informação baseada em papel para mídias eletrônicas proporcionam uma manipulação mais eficiente das informações, oferecendo novas formas de interação entre as pessoas e impulsionando instituições governamentais a oferecerem novos canais de comunicação para a sociedade. Assim, mais e mais plataformas têm surgido com essas características, que são chamadas de plataformas participação e colaboração eletrônica, ou de e-participação e de e-colaboração, e que visam ampliar a participação cidadã nas tomadas de decisões da administração pública. Visando avaliar o quão colaborativas e interativas são tais ferramentas, foi utilizado o modelo i3C para analisar as plataformas de e-participação e e-colaboração governamentais disponibilizadas no Brasil. Com os resultados obtidos nesta pesquisa, foi possível identificar as plataformas que são mais interativas, e que tem maior adesão da população brasileira.

DOI: http://dx.doi.org/10.21714/1679-18272017v15Ed.p147-156


Texto completo:

PDF 147-156

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


..................................................................................................................................................................................................................................................................................