Deus e Natureza O panteísmo em Florbela Espanca e em Alberto Caeiro

Daniela Forconi, Fernanda Vale, Ísis Delmiro

Resumo


O presente ensaio objetiva apresentar, dentre as várias características
presentes nas obras de Florbela Espanca e do heterônimo pessoano Alberto
Caeiro – ambos portugueses –, uma breve análise crítica/reflexiva sobre o
panteísmo presente na produção poética dos dois autores, considerando estudos
sobre o panteísmo de Pierre Teilhard, bem como investigações literárias e
históricas sobre a obra e o projeto manifesto de ambos os autores. A análise traz
à tona os traços comuns dos poemas e as respectivas divergências, dentro do
próprio universo do panteísmo que integra o trabalho dos poetas.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Autor, concedendo à revista o direito à primeira publicação

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

ISSN:1984-7408

 

Licença Creative Commons
Esta revista possui trabalhos licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.