Alguns aspectos sociointeracionistas do gênero videoaula: padrões sociocomunicativos e discursivos

Jéssica Cristina Jardim

Resumo


O presente trabalho é o resultado da pesquisa PIBIC/UFPE “Linguagem
e ensino na EAD: um estudo sobre interatividade em videoaulas de educação a
distância da UFRPE”. Nos últimos anos, tem-se formado um novo domínio discursivo
em meio virtual, com a implementação de políticas públicas incentivadoras
da Educação a Distância, o que possibilitou a emergência de gêneros textuais, em
consonância com outros já estabilizados e legitimados socialmente, mas ainda
possuindo características distintivas que os tornam reconhecíveis, de fato, como
novos gêneros do discurso, tal como as videoaulas. Uma dessas marcas diz respeito
aos processos interativos, os quais se dão, nestas, em contextos diferentes de impressão
e expressão de seus participantes ratificados institucionalmente, ou seja,
professores e alunos. A partir dessa demanda, este trabalho tem como objetivo
principal estudar como ocorrem tais processos interativos de cunho pedagógico
em videoaulas de educação a distância (EAD) da Universidade Federal Rural de
Pernambuco (UFRPE).


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Autor, concedendo à revista o direito à primeira publicação

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

ISSN:1984-7408

 

Licença Creative Commons
Esta revista possui trabalhos licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.