Political vocations

Fabrício Pontin

Resumo


My intention with this article is to suggest that that Derrida's notion of différance provides an interesting tool to bridge a gap in political liberalism. Focusing on the contemporary reading of liberalism, I expose the Kantian transformation of political philosophy, identifying the establishment of a reflexive-normative view-from-nowhere where in in multiple conceptions of good are pacified by Reason. A
phenomenological reading of political liberalism, in this context, allows me to recast the problem of political signification and identity under a different light, suggesting that the Husserlian exposition of an ethical-political core in language complements the formal gap in liberalism


Texto completo:

PDF PDF PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais

Esta é uma revista de acesso aberto. Isto significa que todo o conteúdo está disponível de maneira livre e gratuita para o usuário (a) ou para sua instituição. Aos usuários (as) é permitido ler, fazer download, copiar, distribuir, imprimir, fazer buscas e usar o link para os textos completos de artigos ou usá-lo para qualquer outra finalidade legal, sem ter que pedir permissão para editores ou autores. 

Licença Creative Commons
Esta revista está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Perspectiva Filosófica está indexada atualmente pelo DIADORIM, pelo Sumário.org, pelo Google Scholar, pela REDIB e pelo LATINDEX.