UMA BREVE DEFESA DA INTERPRETAÇÃO REPRESENTACIONALISTA DE TOMÁS DE AQUINO

Filipe Martone

Resumo


Neste artigo, pretendo apresentar alguns pontos do debate entre a interpretação realista direta e a interpretação representacionalista de Tomás de Aquino. Como irei argumentar, acredito que uma interpretação representacionalista do conteúdo mental é mais coerente em relação a algumas teses que Aquino defende e pode ser apoiada por boas evidências textuais. Além disso, uma teoria representacionalista parece lidar melhor, ao menos à primeira vista, com alguns problemas que qualquer teoria realista direta do conteúdo mental enfrenta.

Palavras-chave


Aquino. Representacionalismo. Filosofia Medieval. Intencionalidade. Epistemologia.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.