Conteúdo e função do princípio de causalidade na prova da existência das coisas materiais de Descartes

Fellipe Pinheiro de Oliveira

Resumo


O artigo intenta discutir quantas e quais são as formulações do princípio de causalidade, bem como qual seu conteúdo e função no âmbito da prova da existência das coisas materiais. A investigação pretenderá mostrar que em posse de formulações distintas, porém não contraditórias, não há que se fazer uma opção definitiva por uma das formulações, mas que as duas são legítimas e dependem dos objetivos de Descartes no contexto da pergunta sobre a causalidade. A análise contará com o entendimento de que a formulação geral, apresentada pela luz natural, serve para oferecer as condições em que podemos falar na causa ativa das sensações e a formulação específica diz respeito a uma investigação do mecanismo segundo o qual corpos podem causar sensações. 


Palavras-chave


Descartes; princípio de causalidade; prova da existência das coisas materiais

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.