Utilização de Geotecnologias na Determinação de Áreas Susceptíveis a Desertificação no Estado do Rio Grande do Norte (Geotechnology Use of Determination of Areas Susceptive Desertification in State of Rio Grande Do Norte)

Joel Medeiros Bezerra, Paulo Cesar Moura da Silva, Carlos Thiago da Silveira Lopes Morais, Rafael Oliveira Batista

Resumo


O combate à desertificação é uma das questões importantes nos dias atuais e insere-se na pauta das discussões científicas como um dos grandes problemas ambientais vinculado à deterioração do ambiente no semi-árido. A dependência econômica da terra e de seus recursos naturais, num ecossistema com baixa capacidade de recuperação e mediante a utilização de práticas inadequadas de manejo, em razão das atividades exploratórias desordenadas e/ou intensivas, pode conduzir uma região a um grave cenário de degradação ambiental, desencadeando processos de desertificação. A partir do trabalho realizado pelo Centro de Sensoriamento Remoto do IBAMA e o MMA – Ministério do Meio Ambiente - elaborou-se o Mapa de Suscetibilidade Ambiental do Brasil, servindo como ferramenta para avaliação ambiental para balizar as futuras tomadas de decisões. Neste sentido, o presente trabalho tem por objetivo analisar e identificar por meio da técnica de espacialização, apontando as áreas propícias ao processo de degradação ambiental, resultando na desertificação no Estado do RN. Utilizando-se das ferramentas computacionais SIG ArcView 3.2.0 e SPRING 5.1, adotando como subsídio os principais indicadores de desertificação elencados pelo MMA e IBAMA, além de enquadrar as atividades antrópicas relacionadas ao processo de desertificação à legislação ambiental brasileira em vigor. Para tanto foram estruturados cenários para verificar as possibilidades da evolução do processo de desertificação e identificação de possíveis áreas propícias a formação de núcleos desérticos, utilizando-se metodologia de projeção de dados espaciais e adotando um padrão de sistematização das informações comuns a todos os indicadores. Os resultados indicaram que os indicadores são significativos no estado do Rio Grande do Norte e que existem cerca de 1.011.000 Hectares propícios ao processo de desertificação. Os municípios inseridos em tais áreas estão propensos a problemas econômicos, ambientais, sociais e de saúde pública.

Palavras-Chave: Ambiente, indicadores, legislação ambiental, Semi-Árido.

 

Geotechnology Use of Determination of Areas Susceptive Desertification in State of Rio Grande Do Norte  

 

ABSTRACT 

Combating desertification is an important issue today and is part of the scientific agenda for discussion as one of the great environmental problems linked to environmental degradation in semi-arid. The economic dependence of the earth and its natural resources in an ecosystem with low resilience and through the use of inappropriate management practices, due to the exploratory activities disordered and / or intensity, a region can lead to a scenario of severe environmental degradation , triggering desertification processes. From the work done by the Center for Remote Sensing of MMA and IBAMA - Ministry of the Environment - was drawn up Environmental Susceptibility Map of Brazil, serving as a tool for environmental assessment in gauging future decision-making. In this sense, this paper aims to analyze and identify through the technique of spatial analysis, identifying the areas prone to environmental degradation, resulting in desertification in the state of the RN. Using computational tools 3.2.0 and ArcView GIS SPRING 5.1, taking as input the key indicators of desertification listed by MMA and IBAMA, as well as framing human activities related to the process of desertification Brazilian environmental legislation in force. For both scenarios were structured to verify the possibilities of evolution of the desertification process and identify possible areas for the formation of desert cores, using this methodology of spatial data and adopting a standard classification of the information common to all indicators. The results indicated that the indicators are significant in the state of Rio Grande do Norte and that there are about 1,011,000 hectares conducive to the process of desertification. The municipalities included in such areas are prone to economic, environmental, social and public health.

 

Keywords: Environmental indicators, environmental law, semi-arid.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v4.3.p543-561



      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License