Comportamento vegetativo e qualidade tecnológica de cultivares de cana-de-açúcar submetidas ao estresse hídrico em condições semiáridas do Brasil (Behavior vegetative and technological characteristics sugarcane cultivars under water stress in semi-arid)

Anderson Ramos de Oliveira, Marcos Brandão Braga, Auriana Miranda Walker

Resumo


A água tende a se tornar um recurso natural cada vez mais escasso em cenários de aumento da temperatura, principalmente, em regiões semiáridas. Por isso, no cultivo da cana-de-açúcar, buscam-se alternativas e técnicas que otimizem a eficiência da água. O objetivo deste estudo foi analisar as características biométricas e a qualidade tecnológica de sete cultivares de cana-de-açúcar: RB 96-1003, RB 94-3206, RB 72-454, RB 01-2018, VAT 90-212, RB 01-2046 e RB 92-579 submetidas a quatro lâminas de reposição hídrica: 40, 60, 80 e 100%, baseadas na evapotranspiração da cultura. As avaliações foram realizadas em ciclo de cana soca de segunda folha, irrigada por gotejamento subsuperficial e consistiram na análise de altura, diâmetro do colmo, número de entrenós, número de perfilhos, °Brix, percentual de açúcar bruto, pureza, fibra e açúcares redutores. Constatou-se que a altura máxima pode ser alcançada com menores lâminas de reposição de água; que o diâmetro do colmo e o número de entrenós são características mais relacionadas com o componente genético da cultivar e que o número de perfilhos é pouco influenciado pelas lâminas de reposição hídrica. Verificou-se que as cultivares de cana têm características tecnológicas do caldo que atendem aos padrões estabelecidos, com exceção da fibra que apresentou valor mais elevado do que o recomendado. As características biométricas e tecnológicas do caldo podem auxiliar na recomendação de cultivares mais tolerantes ao estresse hídrico e, consequentemente, com maior potencial de produção em cenários de aumentos de temperatura e economia de água.

The water tends to become a natural resource increasingly scarce in temperature rise scenarios, especially in semi-arid regions. Therefore, the cultivation of sugarcane, seek to alternatives and techniques that optimize water efficiency. The objective of this study was to analyze the biometric features and the technological quality of seven cultivars of sugarcane: RB 96-1003; RB 94-3206; RB 72-454; RB 01-2018; VAT 90-212; RB 01-2046 and RB 92-579 submitted to four blades of fluid replacement: 40, 60, 80 and 100%, based on crop evapotranspiration. The evaluations were performed in sugarcane ratoon cycle of second sheet, irrigated by subsurface drip and consisted of analysis of height, stem diameter, number of internodes, number of tillers, °Brix, percentage of raw sugar, purity, fiber and reducing sugars. It was found that the maximum height can be achieved with lower water replacement blades; the stem diameter and the number of internodes are more characteristics related to the genetic component of the plant variety and the number of tillers is little influenced by the fluid replacement blades. It was found that sugarcane cultivars have technological characteristics of the broth that meet established standards, except that the fiber had a higher value than recommended. Biometric and technological characteristics of the juice can help in recommending more tolerant cultivars to water stress and thus more potential production scenarios temperature increases and water savings.

Keywords: efficient use of water, ratoon cycle sugarcane, biometrics, subsurface drip irrigation.

 

 


Palavras-chave


eficiência no uso da água, cana soca, biometria, irrigação subsuperficial.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v8.0.p525-541



      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License