Proposta de enquadramento de corpos hídricos em classes de uso na bacia hidrográfica do rio Piranga utilizando geoprocessamento

Fernanda Mourão Fonseca Carneiro, Micael de Souza Fraga, Guilherme Barbosa Reis, Tiago Tozi, Demetrius David da Silva

Resumo


O enquadramento dos corpos d’água em classes de uso consiste em uma importante ferramenta para a gestão dos recursos hídricos, pois permite a conexão entre os seus aspectos qualitativos e quantitativos. Sendo assim, o presente trabalho teve como objetivo elaborar uma proposta de enquadramento dos corpos hídricos em classes de uso na bacia do rio Piranga, estado de Minas Gerais. A metodologia foi aplicada em função de critérios considerados relevantes ao enquadramento e da meta de qualidade da água a ser alcançada na bacia, sendo executada com o auxílio do geoprocessamento. Os critérios utilizados para a elaboração do enquadramento foram: finalidade das outorgas, volume outorgado, uso e a ocupação do solo, vazão mínima de referência e densidade populacional. Para cada critério foi atribuído um peso e o mapa de enquadramento foi gerado a partir da sobreposição dos mapas dos critérios adotados. Para definição das áreas prioritárias de intervenção, o Índice de Conformidade ao Enquadramento (ICE) foi calculado com base no enquadramento obtido para os trechos de rio. Como resultado, os rios Piranga, Xopotó, Turvo Limpo e Ribeirão dos Oratórios foram enquadrados nas classes 1 e 2, sendo as zonas de cabeceira enquadradas prioritariamente como classe 1 com exceção para o rio Turvo Limpo, que foi classificado como classe 2 em toda sua extensão. Os resultados mostraram que a metodologia se mostrou adequada, entretanto alguns ajustes foram fundamentais para a obtenção do mapa final de enquadramento dos corpos hídricos na bacia.


Palavras-chave


Geoprocessamento; Hidrologia; Minas Gerais; Qualidade da água

Referências


Amorim, D.G., Cavalcante, P.R.S., Soares, L.S., Amorim, P.E.C., 2017. Enquadramento e avaliação do índice de qualidade da água dos igarapés Rabo de Porco e Precuá, localizados na área da Refinaria Premium I, município de Bacabeira (MA). Engenharia Sanitaria e Ambiental [online] 22. Disponível: http://dx.doi.org/10.1590/S1413-41522016131212

ANA. Agência Nacional de Águas, 2012. Panorama da qualidade das águas superficiais do Brasil.

ANA. Agência Nacional de Águas, 2013. Base hidrográfica Ottocodificada da bacia do rio Doce 1:50.000/1.100.000.

ANA. Agência Nacional de Águas, 2016. Uso e ocupação do solo em moderada resolução espacial (10m) da bacia do rio Doce.

Brasil, 1997. Lei no 9.433, de 8 de janeiro.

Brasil, 2005. Resolução CONAMA no 357, de 17 de março.

Calazans, G.M., Pinto, C.C., Costa, E.P., Perini, A.F., Oliveira, S.C., 2018a. Using multivariate techniques as a strategy to guide optimization projects for the surface water quality network monitoring in the Velhas river basin, Brazil. Environmental Monitoring and Assessment [online] 190. Disponível: http://dx.doi.org/10.1007/s10661-018-7099-z

Calazans, G.M., Pinto, C.C., Costa, E.P., Perini, A.F., Oliveira, S.C., 2018b. The use of multivariate statistical methods for optimization of the surface water quality network monitoring in the Paraopeba river basin, Brazil. Environmental Monitoring and Assessment [online] 190. Disponível: http://dx.doi.org/10.1007/s10661-018-6873-2

Calmon, A.P.S., Souza, J.C., Reis, J.A.T., Mendonça, A.S.F., 2016. Uso combinado de curvas de permanência de qualidade e modelagem da autodepu- ração como ferramenta para suporte ao processo de enquadramento de cursos d’água superficiais. Revista Brasileira de Recursos Hídricos [online] 21. Disponível: http://dx.doi.org/10.21168/rbrh.v21n1.p118-133.

CCME. Canadian Council of Ministers of the Environment, 2001. Canadian water quality guidelines for the protection of aquatic life: CCME Water Quality Index 1.0.

Costa, E.P., Pinto, C.C., Soares, A.L.C., Melo, L.D.V., Oliveira, S.M.A.C., 2017. Evaluation of violations in water quality standards in the monitoring network of São Francisco River basin, the third largest in Brazil. Environmental Monitoring and Assessment [online] 189. Disponível: http://dx.doi.org/10.1007/s10661-017-6266-y

Cunha, D.G.F., Calijuri, M.C., 2010. Análise probabilística de ocorrência de incompatibilidade da qualidade da água com o enquadramento legal de sistemas aquáticos - estudo de caso do rio Pariquera-Açu (SP). Engenharia Sanitaria e Ambiental [online] 15. Disponível: http://dx.doi.org/10.4136/ambi-agua.211910.1590/s1413-41522010000400006

ECOPLAN-LUME, 2010a. Plano de Ação de Recuros Hídricos da Unidade de Planejamento e Gestão dos Recursos Hídricos - Piranga.

ECOPLAN-LUME, 2010b. Plano Integrado de Recursos Hídricos da Bacia Hidrográfica do Rio Doce - Volume I.

Elesbon, A.A.A., Silva, D.D., Sediyama, G.C., Montenegro, A.A.A., Ribeiro, C.A.A.S., Guedes, H.A.S., 2014. Proposta metodológica para projeto de redes hidrométricas: parte I - espacialização não tendenciosa dos dados hidrológicos. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental [online] 18. Disponível: http://dx.doi.org/10.1590/1807-1929/agriambi.v18n09p980-985

Ferreira, D.M., Fernandes, C.V.S., Kaviski, E., 2016. Curvas de permanência de qualidade da água como subsídio para o enquadramento de corpos d’água a partir de modelagem matemática em regime não permanente. Revista Brasileira de Recursos Hidricos [online] 21. Disponível: http://dx.doi.org/10.1590/2318-0331.011615143

Fraga, M.S., Reis, G.B., Silva, D.D., Guedes, H.A.S., Elesbon, A.A.A., 2020. Use of multivariate statistical methods to analyze the monitoring of surface water quality in the Doce River basin, Minas Gerais, Brazil. Environmental Science and Pollution Research [online] 27. Disponível: http://dx.doi.org/10.1007/s11356-020-09783-0

Fraga, M.S., Silva, D.D., Elesbon, A.A.A., Guedes, H.A.S., 2019. Methodological proposal for the allocation of water quality monitoring stations using strategic decision analysis. Environmental Monitoring and Assessment [online] 191. Disponível: http://dx.doi.org/10.1007/s10661-019-7974-2

Fraga, M.S., Uliana, E.M., Silva, D.D., Campos, F.B., Calijuri, M.L., Santos, D.M.S., 2018. Climatic zoning for eucalyptus cultivation through strategic decision analysis. Ambiente e Agua - An Interdisciplinary Journal of Applied Science [online] 13. Disponível: http://dx.doi.org/10.4136/ambi-agua.2119

Guimarães, B.O., Reis, J.A.T., Mendonça, A.S.F., Akabassi, L., 2016. Análise probabilística de parâmetros de qualidade da água para suporte ao processo de enquadramento de cursos d’água. Engenharia Sanitaria e Ambiental [online] 21. Disponível: http://dx.doi.org/10.1590/S1413-41522016143190

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, 2010. Censo Demográfico 2010.

Martins, G.L.A., Costa, A.S.V., Barros, A.R., Ramalho, F.M.G., 2017. Qualidade da água do rio Setúbal em Jenipapo de Minas-MG após construção de barragem. Ambiente e Agua - An Interdisciplinary Journal of Applied Science [online] 12. Disponível: http://dx.doi.org/10.4136/1980-993X

Monteiro, F.S., 2016. Análise geoespacial como subsídio para proposta de enquadramento de corpos hídricos. Universidade do Extremo Sul Catarinense. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação). Criciúma, UNESC.

Oliveira, D.G., Vargas, R.R., Saad, A.R., Arruda, R.D.O.M., Dalmas, F.B., Azevedo, F.D., 2018. Land use and its impacts on the water quality of the Cachoeirinha Invernada Watershed, Guarulhos (SP). Ambiente e Agua - An Interdisciplinary Journal of Applied Science [online] 13. Disponível: http://dx.doi.org/10.4136/ambi-agua.2131

Oliveira, S.C., Amaral, R.C., Almeida, K.C.B., Pinto, C.C., 2017. Qualidade das águas superficiais do Médio São Francisco após a implantação dos perímetros irrigados de Gorutuba/Lagoa Grande e Jaíba. Engenharia Sanitaria e Ambiental [online] 22. Disponível: http://dx.doi.org/10.1590/s1413-41522017136784

Pinto, C.C., Andrade, S.B., Pinto, É.A., Oliveira, S.M.A.C., 2017. Análise de tendência de concentrações e cargas de parâmetros físicos, químicos e biológicos da bacia do rio Verde. Revista Brasileira de Recursos Hidricos [online] 22. Disponível: http://dx.doi.org/10.1590/2318-0331.0117160030

Rebouças, A.C., Braga, B., Tundisi, J.G., 2006. Águas Doces no Brasil: Capital Ecológico, Uso e Conservação, 3 ed. Escrituras, São Paulo.

Reis, G.B., Abreu, V.O., Fraga, M.S., Tozi, T., Silva, D.D., 2019. Proposta de enquadramento de corpos hídricos em classes de uso na bacia hidrográfica do Rio Santo Antônio (MG). Nativa [online] 7. Disponível: http://dx.doi.org/10.31413/nativa.v7i2.6333

SEMAD. Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, 2017. Outorgas - Relação deferidos, indeferidos, cancelados e outros.

Soares, A.L.C., Pinto, C.C., Oliveira, S.C., 2020. Impacts of anthropogenic activities and calculation of the relative risk of violating surface water quality standards established by environmental legislation: a case study from the Piracicaba and Paraopeba river basins, Brazil. Environmental Science and Pollution Research [online] 27. Disponível: http://dx.doi.org/10.1007/s11356-020-07647-1

Trindade, A.L.C., Almeida, K.C.B., Barbosa, P.E., Oliveira, S.M.A.C., 2017. Tendências temporais e espaciais da qualidade das águas superficiais da sub-bacia do Rio das Velhas, estado de Minas Gerais. Engenharia Sanitaria e Ambiental [online] 22. Disponível: http://dx.doi.org/10.1590/s1413-41522016131457

Vargas, R.R., Barros, M.D.S., Saad, A.R., Arruda, R.D.O.M., Azevedo, F.D., 2018. Assessment of the water quality and trophic state of the Ribeirão Guaraçau Watershed, Guarulhos (SP): a comparative analysis between rural and urban areas. Ambiente e Agua - An Interdisciplinary Journal of Applied Science [online] 13. Disponível: http://dx.doi.org/10.4136/ambi-agua.2170




DOI: https://doi.org/10.26848/rbgf.v13.5.p%25p

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

      

Revista Brasileira de Geografia Física - ISSN: 1984-2295

Creative Commons License
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License